Casamento real e econômico: Celina e Maik - Casando Sem Grana
CEARÁ HISTÓRIAS REAIS

Casamento real e econômico: Celina e Maik

Mais um casamento econômico e L.I.N.D.O!

Quando a Celina me escreveu a primeira vez eu não podia imaginar o que me esperava. Só ao abrir as fotos foi que, eu constatei mais uma vez, que dinheiro não define felicidade!
E se você ainda tem dúvida disso, leia com atenção este relato de um casamento BEM brasileiro, celebrado em Fortaleza – Ceará.

***

“Conheci o site de vocês tarde demais. Deixa eu me explicar melhor: é que casei há seis meses e penei muito para conseguir fazer tudo do jeito que eu sempre sonhei sem extrapolar o orçamento. Aqui em Fortaleza, onde moramos, o casamento se transformou numa indústria. Tudo está muito inflacionado e eu e meu marido não concebíamos a ideia de começar a vida endividados. Além disso, não abríamos mão de fazer uma viagem bacana de lua de mel.
Depois do nosso noivado – que aconteceu de surpresa, no meu aniversário de 2009 – iniciei uma verdadeira peregrinação para dar forma a um sonho que o nosso bolso abarcasse. Pois bem… Casamos às 08h30 da manhã do dia 03.07.10, na capela do Bom Pastor, que fica no bairro em que meus pais moram. É uma igrejinha muito especial, que tem um grande significado pra mim. Lá assistia missa todos os domingos, quando criança e adolescente. Só aí já economizamos uma grana, pois aqui paga-se até R$ 1.500 pelo aluguel da igreja. Lá, paguei R$ 100. Recebemos os convidados num espaço próximo ao mar, algo bem modesto, mas muito lindo. Por esse espaço paguei R$ 400 e economizei muito na decoração, pois o cenário já era uma moldura. Servimos um brunch e com esse cardápio consegui pagar R$ 2.100 por 150 convidados. Tudo foi muito elogiado. Apesar de ter sido uma recepção rápida, foi um momento ótimo para abraçarmos os amigos e agradecermos a presença de todos. Mas ainda assim foi tudo muito especial. Nossos convidados estavam muito felizes por nós, minhas amigas improvisaram uma roda de samba e nos divertimos até o final da festa.

Mas, para mim, o grande acerto na organização foram as fotos. Contratei um fotógrafo chamado Daniel Nobre. Ele é arquiteto e largou tudo para se dedicar a esta atividade. Tem um olhar sensível e conseguiu captar tudo da celebração. Indico demais. Não fiz filmagem por economia e por não achar nenhum profissional discreto o suficiente para fazer o trabalho. Hoje me arrependo. Queria rever algumas coisas que não lembro direito e não tenho o registro. Um único amigo lembrou de gravar a minha entrada e já vi esse video amadar mais de 100 vezes… #ficaadica

Terminamos de comemorar em Paris, uma viagem que foi muito acalentada por nós. Hoje estamos experimentando a maravilha da vida em comum, a rotina diária, a divisão de afazeres, o compartilhar de sonhos. É muito bom olhar para o Maik e saber que temos uma vida inteira pela frente.

Abaixo listo os meus fornecedores. Gostaria de frisar que muitos deles consegui contato através da comunidade de noivas de Fortaleza, no Orkut.

Cerimonial – Fechei o pacote dia D, em que ele dá todo o suporte na semana do casamento. Para mim, foi mais do que suficiente…

Buffet, Decoração, Bouquet (meu e das daminhas) e lapelas – Da mesma empresa.

Fotos – Para mim, o Daniel é, de longe, o melhor profissional do mercado porque ele não tira fotos posadas, capta a essência dos momentos, é discreto, sensível, muito profissional. Mas a foto é algo muito pessoal. Paguei muito pouco, pela cobertura e o album panorâmico.

Banda – Quem providenciou tudo foi a tia do marido, que trabalha com a Daniela Montezuma. O nome dela é Zélia Nogueira.

Bolo – Encomendei numa promoção. Um bolo lindoooo de três andares e 100 fatias. Esqueci de cortar e ainda hoje estamos comendo bolo 🙂

Chocolate – Pagamos bem pouquinho, numa mesa com 600 chocolates, que foram devorados.

Carro – Recomendo demais. O motorista, Silvio, vem conversando, ajuda você a se posicionar no carro. É ótimo!

Dia da Noiva – Ameeeeeei! A Nilda que me arrumou é um doce, muito gentil, fez 4 provas até que eu escolhesse o penteado definitivo….
Paguei menos de 450 reais pelo cabelo, aluguel da sala, unha e cabelo e maquiagem da mãe. A minha maquiagem foi feita pela Siete, que trabalhou comigo na TV. Para mim, ela é a melhor.
Eles abriram o salão às 6h da manhã…Tudo muito profissional. Estão no ramo há muito tempo. Também não há com o que se preocupar.

Convites – Os meus convites foram feitos pela Marjory. Ela é um doce, fez um lay out especialmente para mim. Montou o convite do jeitinho que estava na minha cabeça e cobrou R$ 2 a unidade. Uma pechincha!

Vestido – Meu e Daminhas
Para mim foi a melhor relação custo/benefício. Era perto do trabalho, o que facilitava as provas. O atendimento é impecável. A Cíntia, que é a dona, é maravilhosa, escuta e leva em conta as opiniões e ela ainda me deu um desconto porque fechei as daminhas lá.

Igreja – Casei na minha paróquia, na Capela do Bom Pastor. O Padre Eugenio, um dos mais requisitados, foi o celebrante. Como ele é amigo da tia do Maik, ele não cobrou.”

Ficha Técnica

Fotografia – Daniel Nobre | Buffet, Decoração e Bouquet – Sem limites (Elis) (85) 3232-0576/8834-2520 | Bolo – Fest Bolos | Doces – Bombom Delícia | Carro – Vip Valet | Dia da Noiva – Symphonie | Convites – Marjorye Sousa (85) 32351112 | Vestido – Empório Jucá

E querem saber quanto a Celina e o Maik gastaram neste casamento lindo? Menos de R$ 8.000,00 reais 😉


Beijos!


Leia Também

[176171]
[176171]
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d