Casamento real e econômico - Jaine e Ulisses - Casando Sem Grana
HISTÓRIAS REAIS

Casamento real e econômico – Jaine e Ulisses

Atenção, atenção: Noiva Goianiense na àrea! =D

E este mês esta linda noiva completa um ano de casada. Portanto, quero oferecer esta homenagem a ela e dizer que este foi mais um dos casamentos reais mais lindos que eu já ví. Jaine, obrigada por me deixar mostrá-lo aqui =)

***

“Meu nome é Jaine e do meu marido é Ulisses. Casamos no dia 24 de abril de 2010, na Igreja Presbiteriana do Jd América – Goiânia. Este mês completamos um ano de casados. Moro em Goiânia há 6 anos. Vim para fazer a faculdade de Jornalismo. Meus pais moram em Várzea Grande (Mato Grosso). Conheci meu marido na faculdade e éramos da mesma sala. Tivemos um rolinho no início da faculdade, ele me deu um fora e voltamos em 2008.

Quando ele me pediu em casamento, em julho de 2009, começamos a sonhar com os preparativos.
Mal sabiamos da máfia de casamentos que reina aqui em Goiânia. Muitos fornecedores cobrando os olhos da cara. A primeira coisa que decidimos foi não fazer festa, mas quando contamos para os meus pais, minha mãe pirou. Disse que tinhamos a obrigação de fazer algo e oferecer para os parentes que viriam de várias cidades, era um absurdo não “dar comida” na opinião dela. Minha mãe deu até a ideia de servimos pão de queijo com refrigerante. Pra mim era fim de carreira. Tivemos seis meses pra organizar o casamento. No inicio meu pai não concordava. Somente em outubro de 2009 foi que começamos a nossa saga. Quem pagou mais da metade do meu casamento foi minha mãe, então, tudo o que sonhávamos em fazer teria que caber no bolso dela.Tudo que pesquisei e fiz foi com a ajuda do meu marido.

Então decidimos procurar outra forma de fazer essa “festa”. Foi quando comecei a pesquisar na internet sobre assuntos casamentícios e descobri vários blogs e um dia vi um post sobre o bolo com champagne. Achei a idéia linda e totalmente diferente. Comentei com minha mãe e ela gostou da ideia (Graças a Deus).
No início pensamos em fazer uma mesa de frios e no fim servir o bolo com os bombons, mas os orçamentos que fazíamos, estava fora de cogitação. Tentamos salgadinhos entre outros, mas tudo continuava caro. Até que decidimos servir somente o bolo com champagne. Depois de muitos orçamentos e degustações fechamos com 12 kg de bolo, 800 bombons, a mesa, as vasilhas, forminhas…(Detalhe: Sobrou bombons, refrigerante e bolo).

Compramos os refrigerantes num supermercado que é atacadista. Foram guaranás e sucos. Gastamos 150,00 reais. Somente para os pais, e noivos, seria servido o champagne. Decidimos assim, pois a maioria dos nossos convidados são evangélicos.

Meu marido comprou arranjos de flores em uma floricultura e pediu para o cerimonial colocar na mesa. Ficou uma gracinha! Foram 4 arranjos, 6 reais cada.

Eis que surge um problema, teriamos que colocar uma estrutura atrás da mesa do bolo. Onde ela seria montada a parede era feia. Fizemos orçamentos e o preço variava entre 200, 400, 500 reais. Meu marido disse algo que eu achei um máximo: Se esse povo consegue fazer, eu tambem consigo. Ele deu a idéia de comprarmos voal e colocar atrás da mesa. Pesquisei na internet e descobri uma noiva que tinha feito isso. Mostrei pra ele e compramos. Uma amiga costureira fez a barra após medirmos o espaço que a mesa ocuparia. Valor do voal: $40 reais. Foram 8 metros.

Alugamos os copos: Paguei $30 reais. Os pratos e talheres onde servimos o bolo, uma amiga da igreja me deu de presente o aluguel.

O forro das mesas, um amigo de outra igreja me emprestou, eram brancos. Essas mesas eram para as pessoas colocarem os copos e os pratos na hora de conversar. Não tinham cadeiras pra ninguém. Somente umas 4, para os idosos. A intenção era essa mesmo: De ser uma recepção rápida. Então não era necessário mesa com cadeiras, para as pessoas tambem não pensarem que seria servido o jantar.

A decoração da igreja foi simples, copos de leite com rosas brancas. Contratamos o coral para tocar na igreja: Bateria, dois trompetes, violão, duas vozes e o teclado.

O horário do casamento ajudou para que a ideia da mesa do bolo desse certo: Marcamos para as 17 horas. Na recepção fiz uma surpresa pro meu marido: Toquei violão e cantei “Hoje” do Jota quest. Ele chorou emocionado.

Outra dica que peguei na internet foi o convite. Fizemos os convites para os convidados e individual para os padrinhos em forma de caixinha com lacinho em cima. Gastamos R$80 reais com 30 caixinhas. A frase foi “Bença Madrinha Fernanda Ramos. Voce deve: aconselhar, orar, presentear, ajudar e acima de tudo nos amar. Aceita o Cargo?”.

O aluguel do meu vestido saiu por R$ 900 reais. Aproveitei ao máximo, fiz prévia da noiva e o trash the dress.

Fotografia foi o item que mais nos deu orgulho. A Cláudia Amorim é uma pessoa maravilhosa, ótima fotografa. Quando descobrimos o site dela, ficamos apaixonados. Tinha que ser ela para fotografar um dia tão especial.

Buquê: Acho que nunca fui fã de rosas vermelhas, mas queria um buquê que combinasse comigo. Pesquisando na internet (de novo) descobri o de tulipas. Corri atrás para saber o valor e quem fazia esse tipo aqui em Goiânia. Descobri que duas mulheres faziam. Fiz orçamento com as ambas, mas a primeira não me deixou confortável. A segunda, me deu certeza de que as tulipas estariam fechadinhas. Fechado! O buque ficou maravilhoso…Ela ainda me deu outro, amarelo com rosas amarelas. Entrei com o roxo e joguei o amarelo.

Cerimonial: Fechei assessoria completa. A cerimonial conseguiu vários descontos e me ajudava com tudo. Deu dicas preciosas para o nosso casamento. Não me arrependo de ter contratado o serviço.”


Ficha Técnica

Assessoria – Sandra Dalan | Fotografia – Claudia Amorim | Coral – Intermezzo | Buquê – Inê Carvalho | Dia da noiva – Le Parri


Beijos!

[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[176171]
[176171]
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d