7 meses antes - Fechei as músicas da cerimônia!!! - Casando Sem Grana
Listas

7 meses antes – Fechei as músicas da cerimônia!!!

Ontem a noite caiu por terra mais um dos meus “achometros” e eu consegui realizar mais um sonho e marcar mais um ítem no Check List \o/

Sempre achei que ter música ao vivo no casamento era uma “bestagem” e um luxo totalmente dispensável. Só que mesmo achando bestagem era meu sonho também! Imagina só: Pra quem não sabe eu já toquei um pouquinho de sax e desde que me entendo por gente sou ligada em música. Se estou na faxina, na rua, postando e até tomando banho tem que ter música! O noivo também não fica atrás e fazer uma baguncinha com música aqui em casa é de LEI!

Tá, mas e daí? Não era só colocar um CD ou pedir para o próprio DJ tocar alguma coisa durante a cerimônia visto que será ao ar livre e estou mais dura que pau de sebo em festa de são joão?

Um destes seria o plano. Entretanto, todas as músicas que eu sonhei durante anos para o meu grande dia, são músicas que ficariam MUITO mais lindas se tocadas suavemente ao som de um violão, uma voz suave e mais um instrumento ou outro. Porem é muito verdade que nestes anos de blog, eu NUNCA havia encontrado empresas que ganhassem meu coração por causa da qualidade e fator preço. Pra vocês terem uma ideia teve uma empresa que me cobrou em violão e voz 6 meses do meu salário mínimo  =/

Então eu havia jogado a toalha e não recomendava mais pra ninguém. Foi quando uma leitora me enviou um email pedindo uma recomendação visto que também era um grande sonho para ela e ela iria se casar em uma igreja lindona e tals… Fui ajudar a gatona e continuei a dar com os burros n’água. Apelei então pro Twitter:

Daí veio a Samille do Buffet Mirandella me salvar…

“Não são absurdos?” Então eu pago pra ver!

Liguei e marquei um encontro logo de cara com o maestro da Dias con Art, o sr. Rubens. Quando ele me disse o endereço (nos Jardins – Bairro nobre de São Paulo) pensei até em desistir. Mesmo assim decidi tentar…vai que…

E não é que eu paguei a língua?

NUNCA, eu disse NUNCA fui tão bem atendida por outra empresa desta área. O sr. Rubens me tratou como uma filha e eu me senti em casa, sabe assim? Parecia que nos conhecíamos a muitos anos…

Contei pra ele sobre os péssimos atendimentos e a mal impressão que eu tinha sobre o serviço de música de cerimônia. Falei até que pelos meus problemas financeiros e os das noivas que me procuravam, eu não recomendava nada do tipo. Ele então me fazer entender os significados emocionais que envolvem as músicas no dia do nosso casamento e como ele utiliza canções para contar um pouco da nossa história. Por exemplo:

– Pra mim o noivo entraria com qualquer música que eu achasse bonita e pronto

Mas o sr. Rubens explicou que a entrada do noivo é o “Termômetro” do casamento. A partir da música que ele entra, os convidados sentem o clima do casamento que os aguarda. Outra coisa: Assim como você deseja entrar ao som de uma canção que combine com suas expectativas, por que o noivo deveria entrar com uma nada a ver com ele? Já parou para pensar nisso? Diz o sr. Rubens que a música que ele entra deve combinar tanto com ele que só de ouvir a canção no ar, seus convidados devem dizer: “Olha, lá vem o fulano! É a cara dele essa música!”

– Pra mim era só escolher a música do noivo, dos padrinhos, a minha, umas duas da cerimônia e uma para sair fora hahahaha

Mas ele me explicou direitinho como funciona cada uma e a importância delas no clima da cerimônia. Como uma ESCOLHA ERRADA pode fazer com que o brilho do seu casamento vá pelo ralo e essas coisas todas que nós prestamos atenção NUNCA.

– Pra mim os grupos e orquestras só tocavam músicas bregas e iguais pra todo mundo

Não não não, eles tocam o que você quiser! Tanto é que quando eu falei: “Tocam The Cure?” na hora o sr. Rubens ligou para um dos músicos e contou que eu pedi rock e ele simplesmente adorou meu pedido! #olocomeu!

E junto com esse papo esclarecedor nós fomos amarrando mais e mais assuntos e eu pude explicar pra ele por que a maioria de nós não fecha. Falei da discrepância de preços de um estado para outro e de como tem gente picareta no mercado! Sei que falamos tanto que acabei por descobrir que somos da mesma fé e ZAZ! =D

Mas tá tudo muito bom, tudo muito bem E O PREÇO?!

Eu estava pronta para o susto. Um atendimento tão bom e humilde, junto com um serviço que se molda ao que eu quero só podia ser caro.

NOPS!

Os pacotes da Dias con Art começam com 4 músicos. Ex.: Voz, Violino, Trompete triunfal e piano. Só que daí eles levam EM TODOS os pacotes os bônus de: Mesa de som, dois técnicos de som, equipamentos e microfones para todos os músicos e para o ministro do casamento. Ou seja: Serão 6 pessoas + equipamentos + transporte e todos os custos inclusos.

(!!!)

Agora vem o melhor: O sr. Rubens me autorizou a dizer que ele vai fazer um desconto de mais de 30% neste primeiro pacote com tudo isso, para quem disser que viu este post. E já adianto que para empresas que cobram um pouco mais de R$ 4.000, nós estamos falando de R$ 1.500  😉


Então vá agora pedir um orçamento e realizar seu sonho também, vai!

Beijo!

PS: E já já tem o resultado do sorteio dos bouquets de Patchwork!

[176171]
[176171]
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d