Casamento real e econômico | Flávia e Rafael – Parte 2 - Casando Sem Grana
HISTÓRIAS REAIS MINAS GERAIS

Casamento real e econômico | Flávia e Rafael – Parte 2

Continuando a saga do meu casamento começada no post anterior, agora vou falar sobre os itens que não mencionei antes – especialmente da decoração!

É outra coisa que, desde que marquei o casamento, pensei e criei com muito carinho, e só foi possível porque muita gente embarcou nas minhas viagens. As mesas, cadeiras e forração básica estavam inclusas no buffet. O resto, foi feito e montado por mim, e por várias amigas! Em resumo:

  • Aparador branco/altar: Comprei ele cru na em uma loja de artesanatos e pintei;
  • Aluguei as mesas de doces (só as mesas, sem decoração; falo mais da decoração dela abaixo)
  • Pus a família toda pra juntar vidros transparentes por um ano;
  • Algumas amigas lindas bordaram os quadrinhos da mesas. Não tinha nenhum repetido, e foram a sensação da festa! Paguei R$1 em cada porta retrato, e elas me deram de presente o tecido; Muitos convidados levaram pra casa de lembrança, e alguns estão nas paredes aqui de casa.
  • Fiz as velas com parafina e vidrinhos comprados em loja de artesanato;
  • As gaiolas de metal uma convidada que trabalha com decoração me emprestou;
  • Caminhos de mesa e sousplats: comprei o tecido, o papel em uma casa de artigos de couro, minha mãe costurou os caminhos e eu e algumas amigas cortamos/colamos os sousplats, com cola branca. E foi super engraçado, porque não demos acabamento ‘bonito’ na parte de baixo deles, pensando “ah, ninguém vai ver mesmo…”. No meio da festa, tava geral usando eles de leque – mas pensa se alguém reparou na parte de baixo? Só pensavam em se refrescar! Hahaha
  • Comprei as flores com o fornecedor das decoradoras de casamento da cidade, e saíram por R$300, incluindo as rosas do meu buquê da cerimônia, e dos mini buquês das madrinhas.
  • Além disso, comprei alguns detalhes, como a gaiolinha de madeira, pratos pra cupcake da mesa de doces, cachepots… no ano anterior ao casamento, tudo que eu via que achava que poderia ser útil e tava barato, eu comprava e guardava!
  • As luzes da árvore são da chácara, foi só pedir pra acender.

Resumo da ópera: a decoração dos meus sonhos por R$950 <3

No dia do casamento, de manhã, fui até lá para levar as coisas que estavam na minha casa – as velas, porta retratos, os vidros, a fita dos lacinhos nos guardanapos, os itens da mesa do bolo, os doces e cupcakes. Meu irmão e os amigos dele montaram as mesas todas, e colocaram as mesas de doce e buffet, que já tinham chegado lá, no lugar. O resto, defini onde queria que ficasse, e várias amigas lindas montaram tudo pra mim – uma delas é conhecida de quem visita sempre o Morando sem Grana, a Mila!

Elas montaram toda a decoração do salão, mais as mesas do bolo e dos doces, e o “altar”, embaixo da árvore. Cheguei lá pra casar e fiquei boba de ver como tudo estava mais lindo do que na minha imaginação! Falando especificamente da mesa do bolo, os doces que fizemos em casa foram pra mesa ou em copinhos, enrolados em papel celofane com um lacinho ou naquelas forminhas de brigadeiro de festa de criança 😛 .Eu nunca fui muito fã de forminhas de doces, daquelas grandonas, sabem? E fui atrás de montar minha mesa sem elas, sem medo de ser feliz. As poucas que apareceram por lá são as mais simples possíveis, e vieram nos doces que encomendamos com a namorada de um dos padrinhos. Olhando as fotos de tudo, penso que não faltou absolutamente nada ali! Algumas das bandejinhas eram minhas (e hoje quebram um galhão aqui em casa), outras são da Mila, é uma delícia pensar que esse canto tão gostoso foi montado com o que estava mais à mão – e ficou perfeito!

As fotos:

Minhas fotos foram tiradas pela minha amiga Cris Fernandes, a melhor fotógrafa que eu poderia querer. Casamentos não são o foco dela, mas ela aceitou fazer o meu e foi algo extremamente importante pra mim, ter a presença dela lá registrando tudo (e participando da festa depois também!)

As lembrancinhas das madrinhas e padrinhos foram assim:

lembrancinhas padrinhos

Encomendei as caixinhas com sachê, hidratante e sabonete, tudo personalizado e com lacinho com o mesmo tecido do convite, para as madrinhas, mãe e sogra, no Adorável Atelier. Para os padrinhos, comprei uma cerveja artesanal, e imprimi a tag agradecendo.

Para ajudar na organização do dia, contratei cerimoniais: Valéria e Daniele, que garantiram que tudo correria bem. Eu sei que apavorei elas MUITO antes do casamento, porque eu sumia por meses delas, mas no dia, elas foram a salvação pra organização! Outro investimento que valeu bastante a pena.

Cerimônia/Festa:

Resumindo, foi um dia abençoado. Bênção confirmada pelo fato de ter chovido granizo na cidade TODA – menos no lugar do casamento <3 (sério, choveu tipo, a 2 quadras de lá haha)

Lista de Fornecedores:

Local e Buffet – Kuka’s Place – Marilene – (34) 9977 2009
Aluguel Mesa de doces: Eventos e Decorações
Maquiagem: Thalita Martins
Fotografia: Cris Fernandes
Cerimonial: Valéria e Danielle Abalém – (34) 3226 7005 / 8837 8450
Som e DJ: Fest Som
Lembrança das madrinhas: Adorável Atelier
Convites, impressos e identidade visual: eu, via Amor²
Buquê de Coração: Love for Sale

Se ficar alguma dúvida, é só deixar nos comentários – ou mandar um email pra flavia@casandosemgrana.com.br 😉

Beijinhos!

Assinatura Fla

 

[176171]
[176171]
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d