Casamento real e econômico | Carol e Junão - Casando Sem Grana
HISTÓRIAS REAIS MINAS GERAIS

Casamento real e econômico | Carol e Junão

Mais um casamento real! Porque a gente AMA casamentos reais e inspirados ♥

E esse é muito especial pois nós o resgatamos lá de 2013. Pra você que acompanha o CSG todos os dias já deve ter notado que nós estamos numa vibe da organização danada por aqui, né? Então resovemos voltar láááá atrás na fila e colocá-la em dia 🙂

Fora isso o casamento da Carol foi todo organizado no Paraná mas os noivos se casaram em Minas. Até aí tudo bem, se a noiva não tivesse feito ela mesma UM MILHÃO de coisas para o casamento :O

Hahaha, vamos ver?

“Olá meninas, cá estou eu tentando fazer o resumo do resumo do casamento.

Bom, eu sou Engenheira e professora, e como todo engenheiro, amo uma tabela e gráfico. Acho que tudo fica mais fácil de explicar com eles. O primeiro gráfico mostra o cronograma de todo nosso relacionamento até a data do casamento. Vale destacar ali que demorou bastante para eu e o noivo morarmos na mesma cidade e ficarmos juntinhos e que essa distância foi bem árdua em algumas fases do namoro, mas conseguimos passar por tudo e ficarmos juntos no final. Já o segundo gráfico mostra o cronograma da organização do casamento. Pode-se observar também, nos gráficos, que durante a organização do casamento, que foi em Uberlândia, MG, eu e o noivo estávamos morando no Paraná.

A escolha de fazer a festa em Minas foi para facilitar para nossa família, pois eles moram em Minas Gerais e Goiás. Fácil para eles e difícil para nós! Por causa da distância fiz todos os orçamentos pela internet, e quando fomos a Minas em Julho fechamos quase tudo. O restante nós fechamos pela internet e fizemos reuniões em Dezembro, quando novamente pudemos voltar em Minas.

Como vocês podem ver nós só começamos a organizar o casamento mesmo em Julho de 2012. Antes disso eu fiz algumas pesquisas e orçamentos pela internet. Em Março de 2012 reservamos o local, mas só fechamos mesmo em Julho, quando tivemos uns dias de férias e fomos para Minas. Nessa mesma época fechamos a fotografia, música, bolo e vestido. Depois voltamos para o Paraná e comecei a lista do ‘Faça Você Mesma’, que vou detalhar no final do texto. Em Novembro eu fechei pela internet o Cerimonial, a Cabine Fotográfica, cujas fotos foram a lembrancinha do casamento, e compramos o terno do noivo.

Em Dezembro, quando voltamos a Minas, para festas de final de ano, fizemos uma reunião com todos os fornecedores que havíamos fechados pela internet e acertamos os detalhes. Em Janeiro fizemos fotos externas com o fotógrafo e eu conheci a maquiadora que contratei para o casamento. Depois de alguns dias em Minas e Goiás, visitando a família, voltamos para o Paraná por motivos de trabalho.

A partir daí o resto de Janeiro voou e, em um piscar de olhos, já era Fevereiro e lá vamos nós de volta para Minas Gerais. Na semana do casamento nós fizemos os doces em família. Juntou mãe, tia, cunhada e eu para fazermos os doces. Eu adoro essas coisas feitas em família, acho que essas lembranças ficam para sempre. No entanto, percebi que gerou um pouco de estresse nas pessoas envolvidas. Vi que as pessoas cansaram muito, então eu não sei se aconselho a fazerem isso também.

As coisas do ‘Faça Você Mesma’ começaram a ser feitas em Julho. Abaixo vai a lista de tudo o que fiz:

  • Pintar os vidros – Os vidros transparentes -> verniz vitral e vidros escuros -> primer + tinta acrílica +ver. Como a tinta acrílica é a base de água eu resolvi passar o verniz vitral por cima para não correr o risco de na hora de colocar água nos vidros a pintura se desfazer.
  • Bouquet – Fiz com flores de feltro.
  • Noivinhos – Também fiz de feltro.
  • Caixas para o banheiro – Pintei caixinhas de MDF de azul.
  • Casquete – Fiz o casquete com retalhos do vestido de noiva.
  • Cestinhas de flores e varinhas de condão da daminha e das floristas que estavam vestidas de fadinhas.
  • Convites para padrinhos
  • Convites do casamento – Vi alguns convites com esse estilo na net e adaptei para a nossa realidade. Minha amiga e fotógrafa Lilian Morais de Paiva fez as fotos no estúdio dela e nos deu de presente.
  • Convites individuais
  • Cartões para recadinho
  • Placas com numeração das mesas e cardápio
  • Encapar caixa com tecido

No dia da festa eu acordei 06h30min da manhã para enrolar o meu cabelo. Esqueci-me de mencionar que eu mesma que fiz o penteado. Às 09h fomos com as crianças para o salão para mostrar o que e elas deviam fazer na hora. No salão já estava meu irmão e minha cunhada Tatiana, que foi quem fez os meus arranjos (ficaram lindos!). Ela tinha ido receber as flores e já tinha começado a fazer alguns arranjos. Depois de passar tudo com as meninas, alguns amigos nossos, eu e o noivo fomos ajudar minha cunhada e meu irmão.

Eu fiquei no salão ajudando eles até 15h. Saindo de lá eu e o noivo fomos à casa dos meus pais tomarmos banho, passamos na costureira para pegar o vestido (que estava em uma sacola, então ele não viu) e ele me deixou no estúdio da minha amiga Lilian. Depois mais duas amigas minhas e também madrinhas foram para pra lá. Quando cheguei lá, a maquiadora já estava esperando. Ela me maquiou e maquiou duas madrinhas também e nós arrumamos os nossos cabelos enquanto isso. Esse momento entre amigas foi muito bom para relaxar e aliviar a ansiedade e estresse da semana. Posso dizer que consegui juntar minhas melhores amigas nesse momento tão especial. Saindo daí foi só ir para a festa e curtir!!

Não quero me gabar por ter organizado tudo praticamente sozinha, mas a festa foi muito boa! Saiu tudo do jeito que queríamos: a música, a comida, a animação. Às vezes fico pensando que se tivéssemos feito a festa no Paraná talvez tivesse saído mais barato por podermos fazer mais pesquisas de preços. A resposta dessa indagação eu nunca vou saber, mas em compensação nós conseguimos fornecedores muito bons e com preços bem justos em Minas. Pessoas que foram gentis, educadas e atenciosas conosco e com os nossos convidados. E o importante é que conseguimos curtir com pessoas queridas esse momento único nas nossas vidas!
Coisas que não deram tão certo assim:

  • O casamento atrasou muito porque minha cunhada demorou muito mais tempo do que ela previu na confecção dos arranjos e daí eu fiquei esperando ela e meu irmão voltarem para começar a cerimônia.
  • Os papéis de recados não colaram muito na minha festa. Não sei se foi pela posição que ficaram e as pessoas não viram ou por algum outro motivo. Poucas pessoas deixaram recados.
  • Agora o mais chato de tudo. Mais de 40 pessoas confirmaram e não foram. Eu realmente achei muita falta de educação e consideração. Comecei a fazer as contas e até parei se não iria ficar com muita raiva, pois já tinha passado de 3 mil o que gastei só com essas pessoas.

Enfim, vamos as fotos que são melhores do que qualquer imprevisto. Espero que gostem!”

graficos

casamento-economico-carol-junao (12)

casamento-economico-carol-junao (37)

casamento-economico-carol-junao (11)

casamento-economico-carol-junao (14)

casamento-economico-carol-junao (13)

casamento-economico-carol-junao (15)

casamento-economico-carol-junao (17)

casamento-economico-carol-junao (16)

casamento-economico-carol-junao (9)

casamento-economico-carol-junao (7)

casamento-economico-carol-junao (8)

casamento-economico-carol-junao (10)

casamento-economico-carol-junao (6)

casamento-economico-carol-junao (2)

casamento-economico-carol-junao (18)

casamento-economico-carol-junao (19)

casamento-economico-carol-junao (20)

casamento-economico-carol-junao (21)

casamento-economico-carol-junao (22)

casamento-economico-carol-junao (23)

casamento-economico-carol-junao (24)

casamento-economico-carol-junao (25)

casamento-economico-carol-junao (26)

casamento-economico-carol-junao (27)

casamento-economico-carol-junao (28)

casamento-economico-carol-junao (29)

casamento-economico-carol-junao (30)

casamento-economico-carol-junao (31)

casamento-economico-carol-junao (32)

casamento-economico-carol-junao (33)

casamento-economico-carol-junao (34)

casamento-economico-carol-junao (3)

casamento-economico-carol-junao (1)

casamento-economico-carol-junao (35)

casamento-economico-carol-junao (36)

 

fornecedores

Local e Buffet – Uberlândia Clube | Fotografia – E.r.Fotografia | Música – DJ Massilon | Bolo – Sandra Bolos |
Maquiagem – Renata Caparelli | Vestido: Dona Meira |Telefone: 34 3215-5137 | Arranjos – Tatiana Michlovská Rodrigues |
Cabine Fotógráfica – Magic Cabine | Cerimonial – Tatiana Martins Cerimonial

Beijos!

[176171]
[176171]
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d