Casamento comunitário no maior São João do mundo - Casando Sem Grana
Planejamento

Casamento comunitário no maior São João do mundo

Olá, meninas!

Meu nome é Bianca Dantas, tenho 20 anos e, a partir de agora, faltando pouco mais de dois meses pro “grande dia”, vou compartilhar com vocês os preparativos finais do meu casamento. Sim, sou uma das novas colunistas do CSG! 😀

Pra vocês me conhecerem melhor, vou contar um pouquinho mais de mim… Sou natural de Patos/PB, mas moro em Campina Grande, na Paraíba também. Eu e meu noivo, o Pablo (mais conhecido por Pablito), vamos nos casar no casamento comunitário do maior São João do mundo, que rola aqui em Campina todo mês de junho. E nossa festa terá a temática junina!

Quer saber como estamos nos organizando? Eu conto tudo!

casamento-coletivo-comecar-do-comeco

Bom, eu vim morar aqui em Campina Grande em 2010, quando passei no vestibular pra Jornalismo na Universidade Estadual da Paraíba (UEPB). Pablito também estuda Comunicação (mas prometi não revelar há quantos anos ele está devendo só a monografia… rs). Sempre nos víamos no curso, mas foi só no final de 2010 que nos encontramos num bar e ele veio falar comigo. Alguns dias depois começamos a ficar e é a partir dessa data que contamos nosso início de namoro, pois sempre cuidamos muito um do outro. Nossa diferença de 14 anos de idade nunca impediu nada no nosso relacionamento e até hoje a gente vem nessa juntos!

bianca-e-pablito

casamento-coletivo-pedido-de-casamento

2012 foi um ano difícil pra mim. Fiquei sem ter onde morar e com a grana muito curta. Mudei, então, pra casa do Pablo, pra poder procurar um apartamento com mais calma – isso foi entre julho e agosto. Aí, em setembro, ele me chamou pra ficar de vez com ele! E foi assim, sem flores, chocolate, alianças, nem um pedido oficial passado no Fantástico, rs. Mas tive uma das maiores demonstrações de amor e afeto: pude perceber que, de ali em diante, ele estaria comigo para o que eu precisasse!

bianca-e-pablo

casamento-coletivo-planejando

Apesar de não saber bem como seria, eu sempre quis me casar. Por isso, começamos a conversar sobre a possibilidade de oficializar nossa união.

Mas, pela experiência que estou tendo, casar quando já se mora junto é mais difícil. Porque, quando eu penso que vai dar pra economizar, as contas chegam na minha porta e aí já viu… E os imprevistos, então? A gente queria se casar em 2013, mas decidimos priorizar a compra dos principais móveis e eletrodomésticos que faltavam. Daí a grana não deu e adiamos agora pra 2014.

Com essas e com outras mais, nós só poderíamos fazer um bolo com champanhe, coisa bem simples mesmo. Mas, poxa, isso não tem nada a ver com a gente, já que temos muitos amigos e adoramos uma festa!

Aííí… Em janeiro de 2013, enquanto curtíamos uma praia em João Pessoa, Pablito teve a grande ideia:

“Bianca, por que a gente não se casa no Parque do Povo?
Ganha um monte de coisa de graça! A nós ainda poderíamos fazer a festa com temática junina

Fechou! 😀

casamento-coletivo-o-maior-sao-joao-do-mundo

Pra quem não sabe, Campina Grande tem o maior São João do mundo. Isso mesmo: aqui a festa dura 30 dias! Durante o mês de junho, como um de seus eventos principais, existe o casamento coletivo no Parque do Povo, onde acontece o São João.

casamento-coletivo-sao-joao-prefeitura-de-campina-grandeFoto: Grande Campina

casamento-coletivo-sao-joao-1Foto: Demétrius Carvalho

No casamento coletivo (geralmente feito no Dia dos Namorados), os noivos ganham o aluguel do vestido e do terno, dia da noiva e do noivo, um mini bolo, álbum de fotos e, ainda, não pagam a taxa do civil!!!

casamento-coletivo-sao-joao-boloFoto: Demétrius Carvalho

E o que você precisa fazer? É só levar seus documentos quando a Secretaria de Cultura abrir as inscrições. Esse ano elas abriram no começo de março e eu fui a primeira noiva a me inscrever! É uma coisa linda, todos os anos as vagas acabam super-rápido. Após as inscrições, a Secretaria faz algumas reuniões com os noivos, pra explicar o processo e direcioná-los aos fornecedores. Todos os serviços são contratados por meio de licitação.

Com essa economia do casamento coletivo, vai dar pra gente fazer nossa festa, porque disso não íamos abrir mão! Vai ser dia 14 de junho, um sábado, ao meio-dia. Nosso orçamento está estimado em R$ 6 mil, incluindo o que ganhamos de presente.

No próximo post conto o que já temos pra festança… Nos vemos lá!

Beijos,

assinatura_bianca-dantas

[176171]
[176171]
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d