Casamento real e econômico | Évane & Felipe
HISTÓRIAS REAIS SÃO PAULO

Casamento real e econômico | Évane e Felipe

O casamento real e econômico da Évane e Felipe foi maravilhoso que dá para ver a alegria deles e dos convidados! A fé dos noivos foi o ponto chave desse casamento, e é uma coisa lindíssima de se ver!

Com o pontapé inicial do amigo do casal e parando de sair e comer fora, eles conseguiram ajuntar o máximo para o casamento! E a inspiração foi aqui, no CSG! E claro, com a ajuda das madrinhas, mãe e do noivo fizeram o sonho se tornar realidade! E a Évane dá até umas dicas!!

Vem conferir…

“Felipe e eu nos conhecemos através de um grupo no Facebook de jovens cristãos, nos tornamos amigos, e algum tempo depois engatamos um relacionamento. Nosso primeiro encontro foi dia 16 de novembro de 2013 (e nosso casamento aconteceu dia 1 de nov de 2014, menos de um ano depois =). Com 1 mês de namoro já sabíamos que queríamos nos casar, e que fosse o mais breve possível, no máximo dentro de um ano. Felipe fez um jejum pelo propósito do nosso casamento e para que Deus nos abençoasse, e assim foi. Ele desenhou o primeiro layout do nosso convite, e ficou muito fofo…chorei muito!

Comecei as pesquisas sobre casamento, e decidimos que mesmo que fizéssemos algo simples ou sem festa, queríamos casar no máximo em um ano. Quando comentei que não sabia se teria festa, mas com certeza teria casamento, um amigo muito querido do Rio de Janeiro nos deu de presente mil reais pra dar o pontapé inicial. Foi nosso primeiro presente de casamento e o primeiro valor depositado na poupança. A partir daí passamos a guardar dinheiro loucamente e paramos de sair e comer fora, tudo para economizar ao máximo para realizarmos nosso sonho =).

As amigas Rana e Fran (que foram madrinhas), embarcaram na loucura e começaram a motivar e dar várias idéias sobre festas de casamento em conta.

Tínhamos uma certeza: Queríamos casar de dia e no sítio <3, ideia que roubei de outra noivinha e amiga que passou por aqui: a Lari do casamento amarelinho de Guarulhos (lembram??). Pirei no casamento DIY da Lari e em como tudo ficou tão lindo (e eu presenciei a festa linda que foi), então depois de visitar alguns poucos espaços, fomos no sítio que a Lari casou, e tchanans! Fechamos negócio lá =) Local lindo, e preço justo: este é o Sítio Luiza em Arujá! Com isso, em abril marcamos a nossa data, pois era o único sábado disponível no Luiza: 01 de novembro de 2014. Este era nosso dia <3

Munidos da data, fomos visitar outros fornecedores. A esta altura eu já tinha virado visitante assídua do Casando sem grana e do Casamentos.com.br. Meu noivo e minha mãe completavam a equipe dinâmica que fez com o que o casamento acontecesse, fieis escudeiros presentes em todas as reuniões e aventuras. Noivo e mamãe foram extremamente participativos e sem eles não teríamos conseguido.

Uma dica importante que me ajudou muito e que eu dou para todas as noivinhas: eu só visitava um fornecedor após saber a média de preços praticadas. Isso me ajudava a não perder tempo e nem ficar frustrada vendo algo que eu não poderia pagar. Então estipulamos nosso teto e só visitava quem estava dentro dele. Ale´m disso, vasculhava na internet procurando referências ou reclamações, para ficar mais segura. Nisso, economizei muito tempo, e fechei praticamente todos meus fornecedores de primeira 😀

Eu tinha decidido que faria a decoração toda diy e só com ajuda de familiares, porém trabalhando em dois empregos e com a vida corrida, minha mãe me convenceu que seria uma loucura. Porém mais loucura ainda eram os preços praticados pelos decoradores rs. Até que lendo aqui o blog conheci a Abba Flowers, e me encantei com o trabalho da Margareth. Pedi orçamento, e o preço me pareceu bastante acessível. Marcamos a reunião, e novamente, amor a primeira vista. Uma pessoa doce e fantástica, e excelente profissional. Adepta dos DIY e aberta a inovações e palpites do cliente. Montamos juntos (noivos, decoradora e mamys) nosso sonho…e ficou lindo e com nossa cara. As cores decidi através de uma foto que me encantou com garrafinhas pintadas em verniz vitral combinando cores lilás e azul turquesa: bingo! Essa seria nossa paleta, o noivo adorou e a Margareth abraçou a idéia. E o preço: justíssimo e forma de pagamento totalmente facilitada, poderíamos pagar da forma que pudéssemos, sem entrada, sendo a única exigência estar quitado até o dia do evento.

Próximo passo foi a fotógrafa. Conheci o trabalho da Natália Escudeiro num dos casamentos mostrados aqui (o da Thammy) e foi amor a primeira vista. Vasculhei o blog e o face dela e tive certeza: É ela! Cheguei a cotar outros fornecedores, mas o trabalho da Natália é uma coisa de louco. Agendamos a reunião, e ao nos deparar com um preço tão justo por um trabalho tão superior e diferenciado, e uma profissional tão meiga e doce, não tivemos dúvidas: fechamos! Ensaio pré-casamento, making of dos noivos, cerimonia e recepção. E ainda tivemos o livro de assinaturas lindo e um quadro maravilhoso pra colocar na festa. Suuuper recomendo!

Com a Natália peguei indicações pra equipe de filmagem e fechamos após primeira visita também: Andrei Marques. Ótimo trabalho, e preço justo também.

Seguimos então para o buffet…num primeiro momento tentamos escapas deles, mas depois o amor a primeira vista também venceu rs. Conhecemos o Buffet Mirandella num evento de casamento que teve no Espaço Recanto Verde (aliás, lindíssimo…só não coube no nosso bolso rs). Lembrei também que foram eles que fizeram o casamento da Sammia \o/ O cardápio normal deles estava salgadinho pro nosso bolso restrito, mas depois de algumas trocas de emails, chegamos ao cardápio econômico, que não deixou nada a desejar no sabor e qualidade. Com direito a tudo: entrada, coquetel, jantar com strogonoff, arroz, batata palha, uma opção de massa, um bolo delicioso e docinhos. Foi sucesso, e a Samille que fez toda a negociação comigo sempre presente, respondendo minhas dúvidas e encheções por email hahahahaha

O Dj fechei com o Rafael da Som, festas e eventos, e ele e a esposa dele foram anjos da guarda. Nos ajudaram muito além da parte de som da cerimonia e balada, nos assessoraram em tudo, mesmo no que não estava acordado em contrato. Foram uns fofos. E alem de na cerimonia ter saído todo o áudio e múscas impecáveis, na balada eles cumpriram impecavelmente com nossos pedidos e restrições de ritmos. E mantiveram a animação até o fim da festa. Adorei, e super recomendo!!!!

Com quase tudo da festa decidido, partimos para o noivado. Noivamos em junho num culto especial, com a presença de todos nossos familiares e alguns amigos. Foi lindo e emocionante. Não fizemos nenhum tipo de festinha ou recepção porque a esta altura, não tinhamos dindin pra mais nada rsrs

Os docinhos finos, ganhei da super amiga/madrinha Francyelle, que tbm acompanha o blog (Beijos Fran!! =*) Ela fez os doces lindos que compuseram a mesa do bolo e foi sucesso total (tanto que só consegui provar um, acabou tudo hauhauhauahuahuahuaa). Um passarinho me contou que na véspera do casamento ela nem dormiu, pois ficou finalizando os doces.

Falando em passarinho, conforme as coisas foram se desenrolando, caímos no tema Love Birds e isso foi inspirando várias coisinhas do casamento: nosso convite, o topo do bolo, o cabide da noiva, e as gaiolas com flores que compuseram a decoração da cerimonia. Tudo muito fofo e nossa cara (é muuuito amor rs).

O vestido eu demorei muito pra ir escolher, e fui na última hora (AGOSTO – #todaspiram) kkkkkkkkkkk eu estava acima do peso (ainda estou :P) e achei que nenhum modelo me deixaria bonita e que nada caberia no meu orçamento. Já tinha me conformado com um segundo aluguel, quando conheci a Giovanna Noivas através de buscas na internet. Gente, é bafônico! Os modelos são lindos, o atendimento é top e o preço é muuuuuuito justo. Acabou sendo a única loja que visitei e provando 5 vestidos, já escolhi o meu. Na hora do orçamento, a surpresa: ia dar pra fazer primeiro aluguel, pois sairia R$ 1900… Chorei de emoção! E fechei o contrato, Claro! E foi uma delícia ver o vestido ir tomando forma a cada prova. E um alívio as provas terem sido cumpridas e tudo ter saído conforme o cronograma…na penultima prova eu já nem queria mais tirar o vestido do corpo hauhauhauha queria levar daquele jeito mesmo! (ALOKA).

Aliás..uma observação: nossas roupas para o grande dia foi o único ponto do casamento que decidimos e fizemos separados…de resto, meu noivinho mega participativo acompanhou tudo..cada detalhe e todas as reuniões. O noivo que todo mundo queria ter =*** Amo meu maridoivo! E sim, ele não me deixou ver a roupa dele até o grande dia! HUnf! (Mas valeu a surpresa!)

Os bem casados contratei com a maravilhosa Mari do Amor Gourmet! Os melhores bem casados que já provei, sem cheiro de ovo, macios, delicados, precinho justo e degustação em domicílio! Quer mais o que? =)

O cabide, o topo de bolo, nossas iniciais, o porta retratos e as plaquinhas “Lá vem a noiva” e “enfim casados” comprei no Elo7 e são todos lindissimos e delicados. Recomendo todas as vendedoras.

Os porta guardanapos de laço chanel fui eu quem fiz 😀 Comprei as fitas de gorgurão e as pérolas na 25 de março. Fiz também os lacinhos chanel dos convites, e comprei cristais svarowski bem baratinhos na famosa 25 também. De lá também saíram o porta alianças, a vaquinha dos noivos, e a cestinha da florista, as forminhas de doces, as luzinhas de led da mesa do bolo. Fiz também as plaquinhas das cadeiras “Enfim Casados” um dia antes do casamento =O

De lembrancinha para os padrinhos, encomendei caixinhas de mdf no Elo 7; para os padrinhos dei gravatas na cor lilás para usar no casamento e para as madrinhas uma pulseira delicada de strass. Pedi que fossem todas de longo em tons de lilás (modelo e tom livre). Minha pastora fez buquezinhos de mosquitinhos com tule para as madrinhas usarem, e ficou uma graça.

Com a Mesa de Festa aluguei tempos redondos, cadeiras de ferro brancas, o armário de demolição para os bem casados e a mesa rústica para o bolo e doces. Alugamos também as toalhas brancas e o centro de mesa azul turquesa.

As alianças do noivado foram as mesmas do casamento, apenas mandamos polir. Nossas alianças fizemos com o ourives de confiança da minha sogra, e a vó do noivo deu a aliança dela para derretermos e termos um descontinho amigo na confecção da nossa. Ficou muito bom o valor!

O bolo da mesa fizemos com uma amiga da minha sogra, que faz bolos lindos. Fizemos dois andares fake e um verdadeiro e ficou do jeitinho que eu queria *_*

O arranjo do cabelo foi um caso a parte…comprei dois na 25 e depois apaixonei pelo que alugava na loja do vestido na penúltima prova….e assim foi, usei o alugado 😀

O sapato, comprei uma melissa…mas minha mãe não gostou. Acabei usando no nosso casamento civil (que foi uma semana antes), e minha irmã me deu de presente um tradicional da Durval 😉

O vestido das daminhas aluguei na Penha, na Rua Padre João, que é um achado pras noivas e madrinhas…muitos vestidos baratos e bonitos.

A lua de mel fechei com a Tam Viagens, através da Promoção Mastercard Surpreenda…comprei o pacote pra mim, e ganhei o do meu noivo \o/ incluindo passagem aérea. Foram 5 dias em Floripa, e pagamos 1000 por nós dois, parcelado em 10x uhuuuuuuu

Make e cabelo fechei pra mim, minha mãe e minha irmã…foram até o sítio nos arrumar, e ficamos divas. Equipe da Samara Cabeleireiros e o maquiador Cleber foram divinos. Super indico e a maquaigem e o cabelo duraram até o fim!

Na véspera do casamento, fui dormir super tarde fazendo as plaquinhas divertidas e o noivo tava super acabadinho porque chegou de viagem de trabalho. Pois é, não tivemos descanso rs

No dia, madrugamos e fomos cedinho pro sítio. No caminho pegamos na rodoviária o padrinho que veio importado do Rio de Janeiro rs. Este trabalhou muito tbm, viu? Encontramos lá no sítio as cadeiras e mesas e começamos a colocar as coisas no lugar e a arrumar as coisas. Logo depois chegou a equipe da Decoração, e tudo foi tomando forma. O dia amanheceu lindo, um sol maravilhoso, então a decoradora montou algumas mesas a beira da piscina. programamos a cerimonia pra acontecer à beira do lago, e lá foi montado um lindo pergolado e colocados as cadeiras e ornamentações. Ficou tudo um mimo!

Meio dia, meu noivo e meu pai foram pro hotel se arrumar, e a equipe de cabelo e make chegou, e minha mãe, eu e minha irmã fomos nos arrumar. Dali em diante eu não sabia mais o que estava acontecendo lá fora e fiquei um pouquinho tensa. Cheguei a ir espionar de roupão e bobby no cabelo, hilário rs. No convite estava marcado para as 16:30 e as 16hrs a noiva estava pronta e linda rs. Porém o tempo fechou, e começou a garoar. Fiquei na expectativa de que fosse passageiro, porém me trouxeram a notícia: o tempo ficou feio, e teriam que improvisar a cerimonia no local do jantar, e da balada, que era onde era coberto. Nossa…tive que conter o choro…e naquele momento de nervosismo, minha irmã entra no quarto e traz o recado do noivo lindo: pra eu ficar calma e feliz, pois o mais importante aconteceria mesmo com chuva: iríamos nos casar e era o dia mais feliz das nossas vidas. Foi difícil conter a emoção neste momento, e eu não sabia como tinham organizado as coisas. Só sabia que o pergolado e as cadeiras da parte externa estavam na chuva rs

Com duas horas de atraso então, começou a cerimonia, pois demorou pra reorganizar tudo no outro local. E quando chegou minha vez de entrar, a surpresa: apesar de não ser do jeito que havíamos planejado, estava tudo lindo e emocionante. Agradeço muito a meus pais, primos, irmã, padrinhos, convidados, e a todos nossos fornecedores, que souberam se virar e cooperar para este imprevisto, e fazer com que a festa acontecesse, mesmo com o susto rs.

Minha prima linda do coração, meu “bebê” Giovanna, foi minha dama e levou as alianças toda emocionada, pois era o sonho dela desde pequenininha de levar minhas alianças quando eu casasse rs

A florista foi a filhinha de uma das primas, a Julia, que quase não entrou, de tão envergonhada, e minha prima teve que entrar praticamente junto rs.

O pajem com a plaquinha La vem a noiva foi o filho de uma prima querida, e desempenhou muito bem o papel dele. Também estava todo emocionado.

Nosso casamento teve três pastores: minha mãe na fé, Pastora Regina, com quem dei os primeiros passos na vida cristã; o pastor Valmir, pai do Felipe na fé, e com quem ele deu os primeiros passos na vida cristã, e meu avô lindo, pai do meu pai, com 88 anos, que é pastor no Ceará e veio de longe realizar a cerimonia do nosso casamento. Uma graça!

Agradeço a Deus por este dia maravilhoso ter acontecido, e apesar dos imprevistos foi lindo e emocionante e marcou a todos, principalmente a nós <3 Seguem as fotinhas!

Muitos beijos, e obrigada pelas inspirações! Pensar ser possível ter uma festa de casamento que coubesse na nossa realidade, com certeza nasceu aqui =*”

 

Casamento-real-econômico-Évane -Felipe-casando-sem-grana (1)

Casamento-real-econômico-Évane -Felipe-casando-sem-grana (2)

Casamento-real-econômico-Évane -Felipe-casando-sem-grana (3)

Casamento-real-econômico-Évane -Felipe-casando-sem-grana (4)

Casamento-real-econômico-Évane -Felipe-casando-sem-grana (5)

Casamento-real-econômico-Évane -Felipe-casando-sem-grana (6)

Casamento-real-econômico-Évane -Felipe-casando-sem-grana (7)

Casamento-real-econômico-Évane -Felipe-casando-sem-grana (8)

Casamento-real-econômico-Évane -Felipe-casando-sem-grana (9)

Casamento-real-econômico-Évane -Felipe-casando-sem-grana (10)

Casamento-real-econômico-Évane -Felipe-casando-sem-grana (11)

Casamento-real-econômico-Évane -Felipe-casando-sem-grana (12)

Casamento-real-econômico-Évane -Felipe-casando-sem-grana (13)

Casamento-real-econômico-Évane -Felipe-casando-sem-grana (14)

Casamento-real-econômico-Évane -Felipe-casando-sem-grana (15)

Casamento-real-econômico-Évane -Felipe-casando-sem-grana (16)

Casamento-real-econômico-Évane -Felipe-casando-sem-grana (17)

Casamento-real-econômico-Évane -Felipe-casando-sem-grana (18)

Casamento-real-econômico-Évane -Felipe-casando-sem-grana (19)

Casamento-real-econômico-Évane -Felipe-casando-sem-grana (20)

Casamento-real-econômico-Évane -Felipe-casando-sem-grana (21)

Casamento-real-econômico-Évane -Felipe-casando-sem-grana (22)

Casamento-real-econômico-Évane -Felipe-casando-sem-grana (23)

Casamento-real-econômico-Évane -Felipe-casando-sem-grana (24)

Casamento-real-econômico-Évane -Felipe-casando-sem-grana (25)

Casamento-real-econômico-Évane -Felipe-casando-sem-grana (26)

Casamento-real-econômico-Évane -Felipe-casando-sem-grana (27)

Casamento-real-econômico-Évane -Felipe-casando-sem-grana (28)

Casamento-real-econômico-Évane -Felipe-casando-sem-grana (29)

Casamento-real-econômico-Évane -Felipe-casando-sem-grana (30)

Casamento-real-econômico-Évane -Felipe-casando-sem-grana (31)

Casamento-real-econômico-Évane -Felipe-casando-sem-grana (32)

fornecedores

Fotografia – Natalia Escudeiro Fotografia | Filmagem – Andrei Marques  | Decoração – Abba Flowers | Buffet –  Mirandella | DJ e cerimonial – Som Festas | Mesas e cadeiras – Mesa de Festa | Vestido de noiva – Giovanna Noivas | Espaço – Sitio Luiza | Bem casados – Amor Gourmet | Cabide – Marclaser | Topo de bolo e iniciais – Maria Guida | Plaquinhas “enfim casados” e “lá vem a noiva” – Arte da Drika | Make e Cabelo – Samara Cabeleireiros

[176171]
[176171]
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d