Noivado vegano econômico | Rodrigo e Débora (Jornada Vegana)
RIO DE JANEIRO

Noivado vegano econômico | Rodrigo e Débora (Jornada Vegana)

Desde que me tornei vegetariana (a alguns meses), um novo mundo se abriu pra mim. Descobri novas receitas, sabores, me tornei muito mais criativa na cozinha e uma grande compaixão pela vida dos animais aumentou em mim. Hoje temos um lindo noivado vegano econômico, lá do Rio de Janeiro, para contar: o do Rodrigo e da Débora do site Jornada Vegana.

Tem muito amor, compaixão, faça você mesmo e muita comida gostosa nesse post! Vamos ler?

“Olá, Sammia! Estamos felizes por poder compartilhar essa experiência única em nossas vidas com você  e todos do Casando sem grana! Nós, Rodrigo e Débora, criadores do site Jornada Vegana, ficamos noivos e como não poderia ser diferente fizemos uma festa vegana de noivado para comemorar com nossos familiares e amigos.

Fazer uma festa tão importante como um noivado é uma responsabilidade gigante, tanto para veganos como para não veganos. Mas especificamente para nós foi um grande desafio pois decidimos que iríamos fazer sozinhos toda a comida da festa e tomamos a frente da decoração que também foi caseira. A primeira coisa que vale a pena destacar é que para fazer uma festa como a nossa sem gastar uma quantia de dinheiro alta é preciso tempo: Tempo para se programar, para colocar a mão na massa, para pesquisar os preços e para sempre ter um “plano b” na manga caso algo saia fora do planejado. Decidimos noivar e tivemos 2 meses e meio para nos prepararmos financeiramente e para organizarmos tudo da festa.

Nossa ideia inicial era fazer uma festa gastando em torno de R$600 incluindo: decoração, comidas, descartáveis… Nossa lista de convidados possuía 50 nomes, fizemos o convite com um mês de antecedência e pedimos para que as pessoas confirmassem com antecedência se poderiam ou não vir (o que nos pouparia um pouco de trabalho nos últimos preparativos). Gastamos cerca de R$600 reais como tínhamos previsto e a festa ficou bem mais bonita do que imaginávamos no início! Da nossa lista gigante de 50 convidados – gigante para uma festa que seria apenas para os amigos e parentes mais próximos – apenas 31 convidados puderam comparecer, 10 convidados avisaram com antecedência que não viriam e outros 10 desmarcaram no dia ou confirmaram a presença e faltaram. Enquanto organizadores de uma festa vegana temos o dever ético de evitar ao máximo o desperdício de alimentos, por isso pedimos a confirmação de nossos convidados.

Na hora de calcularmos a quantidade de comida levamos duas coisas em consideração que nos fizeram fugir das contas pré-fabricadas e padrões: A comida vegana é mais leve e de digestão mais fácil que a comida onívora e por isso pode ser consumida em maior quantidade. A comida vegana é um objeto de novidade e curiosidade para os convidados não vegetarianos e de extrema satisfação para os vegetarianos – o que faz com que os convidados comam mais do que normalmente comeriam em uma festa convencional. Todos querem provar de tudo, tudo é novidade e quem já conhece os sabores quer aproveitar para se fartar com as iguarias!

Não inventamos nada muito exótico para servir na festa e optamos por fazer um coquetel ao invés de um almoço ou jantar pois a chance de acertar na escolha das comidas é maior quando se tem uma variedade de opções do que quando se tem apenas um ou dois pratos de comida,  fizemos releituras de salgadinhos tradicionais e de docinhos, pegamos ingredientes ordinários da cozinha brasileira e os apresentamos de forma diferente aos nossos convidados. Nosso maior desafio era conquistar através das opções veganas o paladar de pessoas viciadas em sabores não tão naturais…

Os salgadinhos servidos foram:

– Mini Pão com casquinha temperada de curry e louro
– Pastinha de cenoura
– Pastinha de grão de bico – Homus
– Mini pizza com queijo cremoso de tofu
– Esfihas de berinjela com pimentões
– Rissole de queijo de mandioquinha, orégano e tomate
– Coxinha de proteína vegetal com pimentões
– Bolinha de tofu com goiabada
– Kibe de triguilho com alho poró

Os docinhos servidos foram:

– Cupcake de chocolate com flores orgânicas comestíveis
– Mini sonhos
– Bombons de paçoca
– Docinho de abóbora
– Brigadeiro de colher
– Verrine de banana com chocolate, abacate com limão e manga.

O bolo foi de 3 andares, cada andar com 3 camadas de bolo (intercalando bolo branco e de chocolate) com recheio de morango com chocolate e coberto de pasta americana.

Para beber servimos:

-Suco de abacaxi com hortelã
-Suco de goiaba
-Suco de maracujá
-Guaraná natural

*Os sucos eram frescos e o açúcar foi servido à parte para quem desejasse adoçar. Não bebemos refrigerantes e somos absolutamente contra o consumo por acreditarmos que esse tipo de bebida não saudável só rouba o melhor sabor das comidas e ainda traz consigo prejuízos para a saúde.

Gastamos aproximadamente R$250 com comidas e bebidas, mas isso foi fruto de horas no mercado pesquisando preços e escolhendo o melhor dia para comprar os ingredientes!

Gastamos aproximadamente R$100 com descartáveis – demos preferência aos descartáveis mais durinhos – que são mais caros – porque percebemos que as pessoas tendem a reutilizá-los durante a festa ao invés de ficarem pegando copos limpos e descartando o que estavam usando antes, comprar copos mais resistentes e pratinhos bons garante menor lixo no final da festa! O planeta agradece!

Na parte de decoração fizemos uma boa economia e muitas fofuras que deixaram o nosso noivado super especial!

Desde os detalhes nas colheres dos docinhos de copo, os toopers e até mesmo o infográfico do nosso relacionamento foram feitos em casa de forma artesanal, o que demandou separarmos um pouquinho de tempo todos os dias para fazermos alguma coisa.

Conseguimos comprar uma quantidade muito grande de flores pagando bem barato, com R$70 na CADEG – RJ compramos direto com produtores, pra isso acordamos muito cedo e encaramos um caminho longo até lá, mas valeu a pena pois lá é possível comprar 60 mini-rosas por R$ 10. E também é possível comprar frutas, verduras e legumes por um preço absurdamente mais barato do que em feiras e mercados! Investimos cerca de R$100 em decoração, ao comprarmos EVA, fita esponja, folhas de papel ofício mais pesadas, palitinhos para toppers e para pastinhas. Compramos um kit de 4 suqueiras que ficaram lindas na festa para servirmos as bebidas por R$ 50 no site do Mercado Livre – o que sairia o mesmo valor a unidade em lojas físicas aqui perto de casa e todo o resto da decoração foi feito com o que já tínhamos em casa. Usamos garrafas de vinho, garrafas de vidro de água mineral, bandejas que já tínhamos em casa e outras que a vizinha se disponibilizou a emprestar.

Nada é mais econômico do que contar com a ajuda de amigos, de parentes e arregaçar as mangas pra fazer por conta própria os pequenos detalhes! A criatividade é fundamental para deixar a festa leve e bonita, tivemos ideias incríveis e baratas de decoração… Isso apenas exigia tempo, mas como nos programamos bem conseguimos fazer tudo quanto planejamos! No nosso site sobre veganismo publicamos algumas matérias sobre o nosso noivado ensinando o passo a passo de como fizemos diversas coisas (receitas-decoração-lembrança...)”

Lembrancinhas | Decoração Caseira | Comidas

noivado vegano rio de janeiro casando sem grana jornada vegana (13)

noivado vegano rio de janeiro casando sem grana jornada vegana (2)

noivado vegano rio de janeiro casando sem grana jornada vegana (1)

noivado vegano rio de janeiro casando sem grana jornada vegana (14)

noivado vegano rio de janeiro casando sem grana jornada vegana (3)

noivado vegano rio de janeiro casando sem grana jornada vegana (4)

noivado vegano rio de janeiro casando sem grana jornada vegana (15)

noivado vegano rio de janeiro casando sem grana jornada vegana (17)

noivado vegano rio de janeiro casando sem grana jornada vegana (6)

noivado vegano rio de janeiro casando sem grana jornada vegana (5)

noivado vegano rio de janeiro casando sem grana jornada vegana (16)

noivado vegano rio de janeiro casando sem grana jornada vegana (12)

noivado vegano rio de janeiro casando sem grana jornada vegana (20)

noivado vegano rio de janeiro casando sem grana jornada vegana (18)

noivado vegano rio de janeiro casando sem grana jornada vegana (19)

noivado vegano rio de janeiro casando sem grana jornada vegana (8)

noivado vegano rio de janeiro casando sem grana jornada vegana (7)

noivado vegano rio de janeiro casando sem grana jornada vegana (9)

noivado vegano rio de janeiro casando sem grana jornada vegana (11)

noivado vegano rio de janeiro casando sem grana jornada vegana (10)

 

 

[176171]
[176171]
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d