E para quem curte a ideia de algo pequeno, intimista, total família e com o orçamento super enxuto trazemos este mini-wedding com a Janaína e o Alex, do Rio de Janeiro!!! E o melhor de tudo: feito no salão de festas do prédio!!! Quem acha que é maluquice nossa deveria ver com atenção este casório aqui!!!

“Resolvemos fazer um mini wedding porque tínhamos algumas prioridades como: a compra do nosso apê e a viagem da lua de mel… Mas como não abro mão de uma festa, amadurecemos a ideia de realiza-lo, que graças a Deus entre um imprevisto e outro no final correu tudo bem…

Além de ser mais econômica do que uma festa convencional, a celebração tornou-se mais agradável por conta do clima intimista, que promoveu aproximação dos convidados que do qual compartilhamos juntos cada momento com mais entrosamento.

Claro, que a parte mais difícil foi a escolha dos convidados, quando se tem uma família enorme e muitos amigos. O resultado disso foi uma lista de 60 convidados escolhidos a dedo… Não que as outras pessoas tenham menos importância, mais por conta do tamanho do evento.

A partir do momento que batemos o martelo na decisão de fazermos a cerimonia, comecei a procurar sites e blogs para buscar inspiração… Montei uma planilha com um checklist para acompanhar e não deixar nada para a última hora… E deu super certo!

Depois de ter definido os pantones que foi uma escolha complicada, que a cada busca em sites e blogs apareciam diversas combinações de cores… Que a vontade era de trocar a cada momento! Finalmente escolhi pelo vermelho grená, rosa bebê e um toque de dourado.

Elaborei toda a identidade visual, com a aprovação do noivo é claro, rs… E aí começamos a botar a mão na massa:

- save the date, avisando da data para convidados e email marketing com link para os sites da lista de presente;

- convite impresso: nós fizemos o layout e enviamos para a gráfica de uma amiga, que também cortou e dobrou, por isso o custo foi bem menor;

- etiqueta para latinha: quem colou nas latinhas foi a mesma amiga do convite, e minha cunhada preencheu as latinhas com balinhas em formato de coração.
- tag para anotações dos convidados e cipós secos pintados com base de madeira com argila dentro para não tombar: todos comprados no Saara

- as bolas de rosas: são bolas de isopor com rosas feitas de papel crepon coladas com cola quente.  Essa tarefa foi realizadas por várias mãos, amigos, cunhada, sobrinhas e irmã.
- móbile de corações: cartolina vermelha cortada em tiras, dobrando no meio e enrolando as pontas.  A colagem no fio de naylon foi feita com cola quente.

- As flores, gérberas e chuva de prata, foram compradas na CADEG e os recipientes foram de garrafas de vinho, extrato de tomate e até remédio para azia!

- as lanternas japonesas eu comprei pela na internet.

- os noivinhos nós achamos o molde num site de artesanato americano e pedimos para a dona de um blog no brasil para fazer.

- o bolo e o buquê foram feitos pela minha cunhada.

- o local foi no salão de festas do prédio em que meu pai mora, um destes que são salão de festas/espaço gourmet.
- a arrumação da decoração do salão foi toda feita pela minha família, eu, meu marido, irmãos, sobrinhas e cunhadas.

- o buffet foi o único fornecedor contratado, mas não contratamos um serviço de casamento e sim um de coquetel, devido à quantidade de pessoas.

- a fotografia foi presente para os noivos de uma das madrinhas.

Os valores individuais não tenho mais, mas no total gastamos menos de R$ 4mil em tudo.

Sem a ajuda e o empenho de todos os envolvidos, família, amigos…teria grande chance do evento não acontecer….somos eternamente gratos.”

 
Veja os fornecedores do casamento e calcule o orçamento na hora aqui
____________________________________________________________________________
 

Comments

comments

Publicidade