Início » Casamento real e econômico | Raiuga e Victor

Casamento real e econômico | Raiuga e Victor

Casamento real e econômico | Raiuga e Victor

Casamento de hoje é da Raiuga e do Victor, que conseguiram realizar o casório gastando cerca de 7K, no Vale do Aço. Foi um casamento bem diferente, eles queriam que tudo fosse bem no estilo deles, e coisas que não podiam faltar eram motociclistas, motociata, rock’n roll, cervejada e dos coletes e brasões.

Quer saber como conseguiram realizar esse casório? Vem ler!

“Bom vamos lá…
Meu casamento foi bem simples, pois tínhamos acabado de comprar um apartamento e queríamos investir em nossa viajem de lua de mel e não gastar muito. Por isso, fizemos uma recepção para 100 convidados.

Moro na região do Vale do Aço e tinha poucas opções pro tipo de casamento que queríamos fazer, como: vestido, e decoração. E como não tínhamos muito dinheiro, optamos pelo básico.
Meu pai arcou com o buffet e local. O local escolhido é perto da minha casa e já vinha com o buffet incluso, a decoração também ficou por conta deles, que me deram todo suporte e o melhor preço que pude encontrar.
Como optei em casar num sábado de manhã, decidi fazer um almoço acompanhado de cantinho mineiro com churrasco.

A bebida ficou por conta dos amigos, que nos deram 3 barris de chopp Bruder e meu pai comprou fardos de refrigerante a preços ótimos. Além da cachaça salinas que foi fornecida como brinde pelo buffet do salão.

Essa parte da recepção ficou em torno de R$ 5.500, pois como o local já era bonito, com uma parte verde, piscina e chafariz, optei somente por mesas com forros brancos e dourados. Os arranjos de mesas minha vó que fez com flores de eva, de forma que os convidados pudessem levar para casa, então nem gastei com as flores. Basicamente, minha recepção foi essa.

Outro item que economizei bastante foi o meu vestido. Queria um vestido que não fosse longo devido a motociata depois da igreja, então como não achei por aqui… procurei um modelo que me agradasse na internet e mandei fazer numa costureira local, que diga-se de passagem, é excelente. Ela me cobrou R$ 300 reais de mão de obra, o tecido e aviamentos eu mesma comprei e não foram muito caros. No fim, gastei em torno de R$ 550, o que me deixou muito feliz.

A igreja eu escolhi também o mínimo de decoração, coloquei o básico: tapete vermelho e duas torres com arranjos amarelos na frente. Detalhe, eu ganhei essas torres, só paguei o buquê e o tapete que saiu cada um, respectivamente, R$ 100 e R$ 80.

Não tive dia da noiva, pois estava muito caro , então, achei um anjo em um grupo de noivas no Vale do Aço que me cobrou R$ 300 pelo cabelo e maquiagem e me deixou linda nesse dia. As fotos foram feitas por um amigo do meu noivo que trabalha com ele na TV local e também não pagamos por elas pois um dos nossos padrinhos se ofereceu para dar de presente pra gente.

Ah, um detalhe que não contei, meu sapato. Gente, foi uma luta pra comprar um sapato, pois não têm muitas lojas aqui no Vale que venda sapatos de noivas. Optei por comprar na internet, mas pra minha surpresa e tristeza ele veio meu número mas com forma pequena e não coube no meu pé! Isso tudo duas semanas antes de me casar, quase me descabelei. Aí, no mesmo grupo em que encontrei meu anjo da maquiagem, encontrei meu anjo do sapato rsrsrs. Essa menina postou a foto vendendo o sapato que usou para se casar e com um preço ótimo (R$ 100), logo que vi já entrei em contato, fui na casa dela e busquei meu sapato a exatos 3 dias para o casamento kkkk, foi muita loucura.

No fim, meu casamento todo saiu por aproximadamente R$ 7.000, e graças a DEUS como eu tenho anjos em minha vida, como pai e amigos.

A banda do casamento foi a banda de rock do meu marido, que animou a festa toda até às 20:00 da noite. Não gastamos com isso também. Foi do jeito que queríamos, com muito rock’n roll, motos, amigos, brasões, família e DEUS na frente sempre nos agraciando com essa festa.
Confesso que a melhor parte foi quando saímos da igreja casados e com todos nossos amigos nos seguindo em uma linda motociata pelo Vale do Aço. É isso, espero que tenham gostado.”

Beijos!


Casamento real e econômico | Raiuga e Victor

Casamento real e econômico | Raiuga e Victor

Casamento real e econômico | Raiuga e Victor

Casamento real e econômico | Raiuga e Victor

Casamento real e econômico | Raiuga e Victor

Casamento real e econômico | Raiuga e Victor

Casamento real e econômico | Raiuga e Victor

Casamento real e econômico | Raiuga e Victor

Casamento real e econômico | Raiuga e Victor

Casamento real e econômico | Raiuga e Victor

Casamento real e econômico | Raiuga e Victor

Casamento real e econômico | Raiuga e Victor

Casamento real e econômico | Raiuga e Victor

Casamento real e econômico | Raiuga e Victor

Casamento real e econômico | Raiuga e Victor

Casamento real e econômico | Raiuga e Victor

Casamento real e econômico | Raiuga e Victor
Casamento real e econômico | Raiuga e Victor

Casamento real e econômico | Raiuga e Victor

Casamento real e econômico | Raiuga e Victor

Casamento real e econômico | Raiuga e Victor

Casamento real e econômico | Raiuga e Victor

Casamento real e econômico | Raiuga e Victor

Casamento real e econômico | Raiuga e Victor

 

 

Fornecedores

Make – Deisiele Oliveira | Fotos – Welington Silveira | Local e Buffet – Brizza Cia de Festas

Sobre o Autor

Equipe CSG

Rede Casando sem Grana

Buscar Fornecedor