A Débora e o Lucas se conheceram em 2012 em um jogo online (sério!), e em 2018 decidiram oficializar sua união em um casamento ao ar livre super simples e lindo! Ela é gaúcha, ele mineiro. A cerimônia foi realizada em um sítio maravilhoso em Viamão/RS, e em breve os dois vão morar em Betim/MG. Vem conhecer essa história!

“Então, sabe aquele casamento padrão? A noite, glamuroso, em que a noiva veste um vestido bem princesa e faz penteados exuberantes, onde fica 1 semana tirando os grampos do cabelo, aquele que tem muita dança e música alta pra todos curtirem e nem se falarem? O nosso casamento foi bem o contrário disso! (Nada contra né)
Sempre sonhei com um casamento simples e despojado, que fugisse do padrão, que todos estão acostumados. E foi bem assim ♥

A cerimônia foi em torno das 11h da manhã, ao ar livre, e de fundo tinha um açude e uma ponte bem fofinhos. 
Somos cristãos, então nossa cerimônia foi realizada pelo nosso pastor, e foi bem rápida! Fiquei até surpresa, porque achei que demoraria mais, acho que não levou nem 40 minutos. E não ficou aquele clima chato, em que vemos as vezes, que o pastor que realiza a cerimônia, fica tentando converter os convidados, sabe? Ele nem tocou nesse assunto, falou somente em relação ao casamento mesmo, amor, e vida a dois. Foi muito lindo!

Optamos pela cerimônia ao ar livre, porque queríamos algo que ficasse bem como um “dia de domingo” sabe? Aquele em que se reúne com a família para conversar, e ficar à vontade. Essa foi a melhor parte, porque o traje que pedimos que os convidados vestissem foi o “casual chic”, então todos ficaram bem à vontade mesmo! Até os padrinhos e madrinhas trocaram de roupa depois para se sentirem melhor.
Como almoço, foi servido um churrasco, bem típico para um domingo. Tudo bem simples, e com cara de caseiro ♥ 

Nós temos um amigo de confiança que trabalha com buffet, ele que prepara, tem a equipe dele completa, etc. Então nós demos uma lista pra ele do que gostaríamos que fosse servido no almoço, e deixamos que ele comprasse e ele só nos deu a nota do mercado para que reembolsássemos ele. E ele nos cobrou um valor bem em conta pelo serviço de buffet, foram R$1500 para uma equipe de 9 pessoas. Se fôssemos contratar um buffet, não sairia por menos de R$80 por convidado, sem contar bebidas (não ficaria menos de R$10.000).
E de sobremesas, minha irmã que fez umas tortas de sorvete, meu tio faz doce de abóbora e levou um pote enorme, compramos algumas compotas de pêssego, e minha mãe levou jabuticabas que temos no nosso pátio! O bolo e os docinhos fui eu que fiz, trabalho com isso!

Após o almoço, colocamos os bancos das cerimônias de baixo das árvores, e todos se sentaram para conversar. Ficou tão lindo, bem como eu queria! E minhas irmãs serviram geladinho para os convidados, foi a sensação! Todos amaram, porque estava um pouco quente no dia. 
Sobre a dança dos noivos, não teve! Eu até queria, mas não tivemos tempo de ensaiar algo, então não fizemos. Ficamos conversando com nossa família, dando atenção aos convidados, e comendo os doces principalmente! 

E de brincadeira, só joguei o buquê mesmo, também pensei em outras, para fazer algo diferente, mas não tivemos tempo de organizar mesmo. Mas ficou tudo perfeito, tudo lindo ♥

Levamos pouco mais de 1 ano planejando tudo, pesquisando sítios (porque queríamos ao ar livre), visitamos uns 5, eu acho. Mas quando achamos o Casa de Campo foi amor a primeira vista! Lugar encantador!
Sem contar que quase tudo era DIY, os convites para os padrinhos, dos pajens e daminhas, os vasos de flores, a decoração toda na verdade, os doces, o bolo. Ah o buquê também, fui eu quem fiz ♥ Já que era meu casamento, eu fiz questão de me envolver em tudo, e não me arrependo! 

Sabe esses vasos de flores que estão nas mesas? As garrafas e vidros, nós tínhamos em casa, então aproveitamos. E os de sisal, eram os meus potes de creme de cabelo que eu forrei com sisal!
Os guardanapos nós compramos os tecidos e cortamos, e minha tia fez as bainhas dos guardanapos! E as argolinhas dos guardanapos fizemos com o mesmo sisal dos vasos, e usamos florzinhas sempre viva, pra dar um detalhe.

O vestido eu nem escolhi muito, não fui em outras lojas, porque já acompanhava O Amor é Simples há um tempo, e foi amor a primeira vista com ele! Até tinha outras cartas na manga caso eu não gostasse muito dele em mim, mas não foi o caso. O Elza me encantou, sério ♥ o vestido mais lindo que já vi, e muito confortável!

Acho que a única coisa que eu não abri mão de jeito nenhum nesse casamento, foi o conforto. Não luxo, conforto e simplicidade mesmo. E foi exatamente assim. O conselho número 1 que daria para as noivinhas acho que seria: esteja aberta à ouvir conselhos e sugestões, e economize em tudo que for possível!
As alianças, por exemplo, decidimos comprar uma bem barata, custou R$450 o par. E combinamos de comprar uma mais elaborada  e mais cara, quando fizermos alguns anos de casados, em alguma renovação de votos.”