Faça você mesmo| Tiara de Fitas com Flores - Casando Sem Grana
Acessórios FAÇA VOCÊ MESMO Noivos Outros REFERÊNCIAS

Faça você mesmo| Tiara de Fitas com Flores

Taqui: Conforme prometido no primeiro, o segundo tutorial dos arranjos. O de hoje é o da tão famigerada Tiara de Fitas com Flores.

O lema é: Já que eu não dei conta de continuar a produzir esses arranjos, eu ensino vocês a fazerem. Até por que o custo de produção é baixo, é fácil de se fazer e cumpre a missão de ser bonito. Entretanto, fazê-los para comercializar pode não ser uma boa, visto que a concorrência Chinesa/Coreana em preços é muito forte (Pelo menos aqui em SP, na 25 de março). Então bora aprender a fazer para nós mesmas pois qualquer redução de custo já é de grande ajuda, não é? =)

***

Materiais

Tecido – Usei dois neste tutorial: Cetim e organza brancos. Compre um meio metro de cada um e tá jóia.

Tesoura

Fita de cetim branca – Não lembro a largura mas deve ser mais ou menos de 7cm

Fósforos

Vela – Essa é de 7 dias só pelo fato de que eu usava muito e não por que eu seja devota de ninguém, hehehehe. Pode-se usar qualquer uma e utilizar um pratinho para apoio.

Folhinhas artificiais

Molde para as flores

Enfeites pequenos

Pistola e cola quente

 

Bão, vamô lá. Primeira coisa a se fazer é cortar duas fitas do tamanho da sua cabecinha. Pode deixar uma sobrinha caso você queira dar um laço.

Mediu? Então guarde essas fitas e prepare-se para fazer as flores. Bom, vamos começar a falar dos detalhes das flores. Detalhe 1: O molde. Este meu molde eu fiz a mão livre mas óh: CLIQUE AQUI e use qualquer um desses. O meu molde foi feito em E.V.A mas caso você não encontre este material, pode fazê-lo em cartolina, papel cartão ou paraná. Medida: A minha é “olhometrô” mas a sua é no teste. Imprima o molde da sua flor e teste os tamanhos.

Detalhe 2: Esta “folhinha” não é obrigatória mas, dá um charminho para as flores. Aqui em São Paulo você as encontra (assim como os demais materiais) em casas de artesanato em vários lugares. Obviamente a maior variedade de cores e tamanhos eu encontro na 25 de março. Tem brancas, cor de rosa clara, escura, verde clara, verde escura e por aí vai. Elas vem em pequenos maços com 7 ou 8 e em cada pacotinho deve ter um total de 30.

Detalhe 3: O miolo é por sua conta. Pode colocar pedrinha, strass, bolinhas, etc etc. Separei estas pedrinhas de exemplo do que você pode usar. Eu também as encontro na 25, em lojas de peças para bijuterias. Tem de todos os tamanhos e preços mas você pode sair com algumas por míseros R$5 reais. No artesanato de hoje eu vou usar uma dessas pedrinhas e mesclar com bolinhas. Ceis vão ver.

Agora vamos para as flores. Pegue seu molde e corte 6 quadrados de tecido: 4 de cetim e 2 de organza. Despreze o “barrado” do tecido.

Agora, para facilitar, eu dobro os quadrados ao meio e corto apoiando na mão mesmo. Mas, se você achar mais fácil, pode riscar.

Cortou tudo? Hora de dar cara de “natural” para essas flores. Acenda sua vela e faça uma oraçãahuauhuahua! e com DELICADEZA vá passando cada camada próximo da chama. Você vai notar que as rebarbas vão alisando e que as pétalas vão ficando “tortas” com uma sutileza quase natural. Entretanto, se você chegar muito perto da chama, elas vão ficar atrofiadas e possivelmente até queimar. Por isso, faça esse processo com muito carinho e paciência. Enquanto isso pode ir treinando com outros retalhos de tecido.

Ah, e as camadas de organza exigem cuidado redobrado, visto que o tecido é muito mais fininho, olhaí

Terminou? Junta tudo e já terá forma de flor!

Agora, dê uns pontinhos no centro dessas camadas que é para prendê-las umas as outras. PS: Não repare na minha unha detonada e no meu moletom velho e quentinho. Bom…se eu peço pra não reparar é a mesma coisa de pedir para ver, né? HAHAHAHAHA! #aloca

Agora é só colar o miolo. No caso da minha flor, eu fiz uma roda de cola quente e joguei minhas bolinhas. Essas aí

Guardei o excesso das bolinhas e depois pinguei um pouco mais de cola no centro e coloquei minha pedrinha. A princípio ficou feio assim, mas depois eu dei mais um tchananam que você só vai ver no final e eu não fotografei por que não deu tempo, hahahahahaha

Bem, agora é só juntar duas ou mais folinhas, cortar o excesso de comprimento e colar, também com cola quente, no fundo da sua flor

Pronto fia, sua FRÔ tá pronta. Agora, vamos voltar para as fitas. Bem, reacenda a vela e passe cada ponta delas pela chama para que elas não desfiem posteriormente. Depois una as pontas da seguinte forma e finalize com um pingo de cola entre elas para juntá-las.

Ah, prestenção para deixar o lado “brilhoso” das fitas para cima. Agora olhaí como elas ficam: Com um tipo de “espaçamento” entre elas. É esse espaçamento que fará com que uma fita fique naturalmente mais a frente da outra em sua cabecinha e assim permaneça por toda a eternidade. Amém.

Agora é só unir com cola as duas pontas e testar na sua cabeça. Em seguida escolha onde sua flor ficará e cole-a lá. Fica bacana usar duas ou três flores e tapar a união das pontas com um lacinho, pedrinha ou ainda utilizar algum tipo de fecho que também é encontrado com facilidade em armarinhos.

Final de tudo? Fica assim como nos modelos. Crie: Mude os miolos, as cores, a quantidade de fitas, o modelo das fitas, das flores….

Seja feliz com sua criação =)

 

Beijos!

[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[176171]
[176171]
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d