Por onde começar | Escolhendo os fornecedores e fechando os contratos! - Casando Sem Grana
Planejamento

Por onde começar | Escolhendo os fornecedores e fechando os contratos!

Oi meninas, tudo bem? Há tempos que venho conversando com noivas, mulheres casadas e até com quem só esta de olho na aliança de compromisso e percebi que muita, muita gente não faz a menor ideia de como fechar fornecedores, quantos são, quais os cuidados em uma negociação e mais um monte de detalhes. Até quem já passou por isso pergunta: – Jura que esse ponto era importante??

Ok, as pessoas se casam sem saber, mas se souberem as chances de errarem são menores, certo?


Acho que o principio é o começo hehehe, então vamos começar com uma lista de coisas que serão contratadas para um casamento. Claro que essa lista pode ter mais ou menos coisas, e tudo depende do quão sem grana a senhorita está, ok?

Festa

Aluguel do espaço

Bebidas

Buffet

Doces e chocolates

Bolo

Brindes (pista de dança)

Locação Móveis

Locação de Louças

Trajes

Aliança de Noivado

Aliança de Casamento

Vestido de noiva

Véu e grinalda

Lingerie para as núpcias

Sapatos

Jóias/Bijus

Traje do noivo

Sapatos do noivo

Daminhas e pajens

Cabelo e maquiagem

Foto e Vídeo

Fotos e álbuns

Filmagem

Música

Cerimônia

Recepção

Banda/ DJ

Flores

Decoração da igreja

Decoração da festa

Gráfica

Convites

Bolo Cardápios

Marcadores de mesa e tags

Cartões de agradecimento

Entregas pessoais

Postagem

Bem-casados

Lembranças

Mimos para os padrinhos e pais

Transporte

Veículo dos noivos

Van para os convidados

Cerimônia Civil e Religiosa

Cartório

Igreja / salão / outro local

Celebrante do casamento

Lua de Mel

Lingeries e acessórios

Noite de núpcias

Pacote de viagem

Dinheiro extra

Outras despesas

Site do Casamento

Chá de panela

Cabide de Vestido

Topo de bolo

A lista é tão grande, que até me assusta!!! Muitas coisas não são necessárias e podem ser dispensadas, mas outras são mais importantes (comida, por exemplo). E tem coisas dispensáveis que são um sonho de infância, e tornam-se essenciais! Lembrem-se que estamos lidando com sonhos e eles não são palpáveis!

A Sam já fez um post onde disponibilizava uma planilha para controle dos gastos e muitas coisinhas mais!

Eu baixei há muito tempo atrás esta outra planilha, que tem me ajudado muito, mas que infelizmente não me lembro de onde tirei. Se alguém souber, me dá um toque pra eu citar a fonte?? (Clique aqui para baixar)

Uma coisa eu acho que é inevitável: pesquisar, negociar, ter paciência, ir, voltar, perguntar, perguntar, ler e reler os contratos, perguntar de novo, pedir opinião de quem ta fora. Resumindo: ser prudente!

Gente, eu sei que tem noiva que chega, olha e compra e fica feliz para sempre! Mas muitas outras, as noivas sem grana, não tem muita margem financeira para erros, então proteja seu dinheiro, tenha certeza que esta fechando o contrato com uma pessoa idônea.

Algumas atitudes simples podem ajudar a não cair nas mãos de empresas não confiáveis. Você pode pesquisar no Reclame Aqui (www.reclameaqui.com.br), pode verificar a página do fornecedor no Facebook, leia os comentários dos clientes, pergunte há quanto tempo estão no mercado, quantos anos de experiência. Tudo isso pode não evitar que você caia em uma cilada corra Bino, mas certamente vai diminuir as chances disso acontecer.

Empresas que estão  mais tempo no mercado correm menor risco de falir até seu casamento do que uma que acabou de abrir as portas. Em contrapartida, uma empresa milenar pode ter um dono que já não sente o mesmo prazer, não tem o mesmo brilho nos olhos de quem está realizando o sonho de abrir o próprio negócio. Vale a pena conversar com um, com o outro, ver se a empresa tem blog, quem comenta que já fechou negócio com eles e digo mais, amiga!!!! Quando sair um casamento real , aqui ou em outro blog, veja se não tem um fornecedor ali entre os descritos que te interessa. Se tiver, peça o contato da noiva, pergunte. No máximo ela vai te ignorar..rs Mas eu duvido, viu? As recém-casadas adoram falar sobre o casamento!!rsrs

Bom, na hora de escolher o fornecedor e fechar o contrato, ler com calma é mais do que necessário. Uma, duas vezes. Três se for necessário. Se tiver alguma dúvida sobre alguma cláusula, pergunte, tire todas as dúvidas e não assine se não estiver confortável. Veja todos os itens do descritivo do serviço, e certifique-se de que ele será anexado ao contrato, e que seja detalhado, com item por item do que foi combinado. O contrato é sua única segurança com o fornecimento, por isso nele deve haver tudo o que foi contratado.

Quer exemplos práticos? No contrato de decoração, por exemplo, deve conter se a flor é a X escolhida ou se serão flores da época. Deve haver quantos arranjos você está comprando de acordo com o número de mesas, se haverá mesa de demolição ou de módulo de madeira. Se você locar louça, peça para colocarem o valor de cada item quebrado, para o caso de acidentes. No contrato do fotógrafo, deve haver uma cláusula que explique o que será feito em caso de um problema de força maior com o contratado (uma doença, um acidente, um parto..). Esse item do fotógrafo foi a minha fotógrafa que me explicou: A Anna De Franco! ; )

Outra coisa que acho importante dizer: se você resolver não fechar o contrato, mesmo que de última hora, por haver algo que te desagrada, ou por não haver algo que julga importante, pode te causar um constrangimento de desistir na hora, mas depois passa. Melhor um rosto corado do que um contrato mal fechado!

Parece muito piegas falar assim? Muito exagerado? Mas acredite que cuidado não é demais quando envolve dinheiro, e diga-se de passagem, pouco dinheiro! Nosso dinheiro suado!

Meninas, eu não sou advogada, sou publicitária, mas lido com contratos no meu trabalho e também com contratos de compras e serviços que eu mesma adquiro, então posso não ser a pessoa mais indicada para o assunto, mas coloquei aqui um pouco da minha experiência e espero que possa ajudá-las na hora de finalizar a contratação dos itens do seu grande dia.

E se couber mais um conselho, eu digo: não se deixe levar pela empolgação! Não feche nada sem pensar com calma no assunto. E mais, lembre-se do que é ou não possível dentro do seu orçamento, pois as vezes a coisa cintila de tal forma diante dos nossos olhos, que a gente esquece que está fora do orçamento. Pés no chão!

Palavra de noiva. De noiva sem grana!!rs

 

Um Beijo e até a próxima!

erika@casandosemgrana.com.br

[176171]
[176171]
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d