Noivado real e econômico | Jorge Leonardo e Andressa
RIO DE JANEIRO

Noivado real e econômico | Jorge Leonardo e Andressa

A Andressa trouxe um relato pra lá de detalhado de como foi o seu noivado com o Jorge, no Rio de Janeiro. Teve muita mão na massa, muita fartura e um gasto de R$5.000 para uma festa que durou três dias! Mesmo com alguns contratempos esse relato é cheio de ensinamentos preciosos sobre perseverança e amor.

“Olá, meninas do CSG. Esperei muito o dia de contar o meu relato para vocês. Para que ele fosse bem fiel em relação aos gastos, guardei todas as notas fiscais! rs. Eu e meu noivo (ainda é estranho me referir a ele assim, rs) nos conhecemos através de uma amiga. Ela é irmã do irmão mais novo do meu amor. Quando ela veio passar uns dias no RJ me pediu que a levasse até o bairro que o irmão morava e lá eu conheci o amor da minha vida. Desde aquela dia que se estendeu até a manhã do dia seguinte entre Lapa e nascer do sol no arpoador não nos desgrudamos mais a 3 anos e 3 meses.

O Leo me pediu em casamento em uma viagem que fizemos quando tínhamos dois anos de namoro, mas não houve aliança ou coisa parecida. Esse ano, quando fizemos 3 anos de namoro, ele refez o pedido e decidimos fazer um almoço para reunir as duas famílias aqui em casa mesmo. O problema é que quando a galera soube, o almoço íntimo virou uma festa para 130 pessoas. Aí a correria começou.

As alianças: Nada cabia no nosso orçamento já que eu queria alianças retas, foi quando conheci a Rubi e me animei. O problema é que tínhamos medo de não servir e acabamos indo bater perna. No fim encontramos um par que era a nossa cara na Aline Jóias em Madureira e que era super acessível.

Centro de mesa: Para as mesas eu comprei 20 capotes de mdf. Meu noivo pintou com tinta spray branca, colei uma fita de cetim vermelha e dentro coloquei flores artificiais e pedrinhas brancas e vermelhas. Dica: comprem pincel pois eu gastei R$75 reais de tinta porque não tinha tempo ou habilidades manuais. Junto do centro de mesa coloquei um recado fofo para os convidados (eles amaram).

Decoração: Economizamos um bom dinheiro aqui. Minha mãe tem uma amiga que aluga bandejas de MDF e ela topou emprestar tudo de graça. (Muito obrigada, Jan). Comprei um saco de bolas vermelhas e espalhei pelo salão.
Na mesa coloquei 6 balões de corações metalizados que custaram R$1,50 cada no Mercadão de Madureira.
A toalha da mesa principal foi emprestada do irmão do meu padrinho que trabalha com montagens de mesas de festa. As toalhas das mesas dos convidados foram nossas mesmo, colocamos uma branca e por cima uma vermelha. Comprei dois porta retratos de MDF e pintei de vermelho e eles agora fazem parte da decoração do meu quarto. Comprei 4 cestas (duas para colocar as torradas na mesa de frios e duas para colocar as lembrancinhas e o biscoito da sorte).Comprei 60 metros de fita vermelha.

Comida e bebida: Nosso maior gasto foi aqui. Eu e meu noivo somos muito exagerados e ficamos com medo de faltar coisas. Fizemos uma mini mesa de frios com:

  • Torta salgada (presente da minha madrinha querida ❤)
  • Ovos de codorna (foram 5 sacos com 100 cada)
  • 400 salgados de forno (pastéis e enroladinho de bacon com ameixa)
  • Pastinha de atum e torradas. (Ganhei 1 sacão de torradas de uma padaria perto do trabalho da minha mãe)
  • Barquetes recheadas com maionese.

Para o jantar:

  • Servimos dois tipos de caldos feitos por uma grande amiga da minha família.
  • Feijão mexicano (Sucesso na festa e na pós festa.)
  • Sopa de ervilha

Para completar o cardápio servimos salgadinhos fritos. Foram 4.000 salgados. Comprei 1500 por fora, o restante foi minha avó que fez. (Olhem o exagero! Hahahaha).

Bolo: Foi presente da minha tia. Ela ia fazer mas teve um casamento no dia e precisou encomendar por fora. O bolo era maravilhoso, recheado de brigadeiro branco e preto. Achamos que esse bolo não seria suficiente e encomendamos um por fora para corte com os mesmos sabores.

Docinhos: Fizemos 1000 docinhos. Peguei uma promoção de leite moça a R$2,99 e trouxe uma cesta lotada para casa. Foram:

  • 200 beijinhos
  • 700 brigadeiros
  • 100 cajuzinhos

Minha sogra ainda trouxe de surpresa na festa 300 docinhos de gelatina. Encomendei 150 bombas de chocolate e 150 torteletes de morango para enfeitar a mesa do bolo. Coloquei a mão na massa e fiz brownies como uma espécie de bem casado. Alguns tabuleiros ficaram finos demais e então recheie com doce de leite. Ganhei do meu padrinho maçãs do amor para colocar na mesa também. Comprei Balas Fini, marshmallow e pirulitos para colocar em uma mesa separado junto com as plaquinhas das fotos. Nela coloquei pirulitos de chocolate recheados com doce de leite que fiz com meus amigos na noite anterior e biscoitinhos da sorte ( esses biscoitos eram amanteigados e recheados de goiabada, fresquinhos, feitos também na padaria das torradas. Coloquei uma frase dentro de cada saquinho e amarrei com fitilho vermelho. Todo mundo amou a brincadeira).

Papelaria: Todas as TAGs, convites, recados de mesa, plaquinhas foram feitos por mim no PAINT (hahaha, eu estava sem computador e fiquei super triste de não poder fazer algo melhor) e imprimi nessas impressoras comuns em papel couché e cartão.

Lembrancinha: As lembrancinhas foram sais amarrados em um tecido de corações junto com uma TAG. São super cheirosos e estão até hoje perfumando o quarto. Foram presentes de uma grande amiga da minha família. Tia Cris, não existem palavras para agradecer tudo que faz por nós diariamente.

Bebidas: Compramos 36 caixas de cerveja entre Brahma e Antarctica. Uma caixa fechada de champanhe para que os convidados pudessem brindar conosco. Fizemos batida de morango, pêssego, maracujá e coco. Compramos 12 garrafas de água e 20 engradados de refrigerante.

Descartáveis: Gastamos bastante aqui também mas o legal foi que tudo que sobrou pôde ser usado na festa do meu tio que rolou mês passado. Compramos canudos coloridos para as batidas (eles tinham desenhos de corações, listras, quadriculados. Era muita fofura). Comprei 100 e dividi ao meio metade deles.

  • Copos de acrílico para as batidas comprei 150.
  • 100 copos de isopor para a cerveja não esquentar.
  • 200 copos comuns de cerveja.
  • 200 copos para refrigerante.
  • 120 pratinhos para bolo.
  • 150 colheres.
  • 150 garfos.
  • 200 cambucas de isopor para sopa.
  • 400 guardanapos.
  • 1200 forminhas de docinho.
  • 100 taças de acrílico para champanhe.

Staff: Foram a decepção da festa, nem tudo é perfeito. Contratamos dois garçons, uma fritadeira e um dj. O serviço não foi como esperado, nem chegou perto.

Local: Como eu disse anteriormente não iria caber todo mundo aqui em casa. Na correria pelo local consegui alugar o salão de festas do prédio de uma amiga da minha mãe. A sindica foi um amor em deixar que fizéssemos a festa mesmo sem morar lá e ainda ajudou na hora de arrumar tudo. Muito obrigada por tudo, Dona Vera.

Fotos: Ficamos na mão com um fotógrafo e um amigo nosso tirou as fotos com a câmera que tínhamos. Eu chorei muito no fim da festa quando percebi que muitos detalhes passaram despercebidos e também porquê a bateria da câmera acabou no meio da festa sendo substituída por celulares. Meu noivo me acalmou e disse que o que importava eram as lembranças que a gente tinha. Que as fotos e tudo o mais iriam ficar aqui na terra mas lembranças não. Obrigada, amor. Obrigada, Junior por ter sido nosso fotógrafo e abdicar da tranquilidade de ser só um convidado. Você é dez, meu amigo querido.

Contratempos a parte, foi uma noite linda. Sou muito tímida e todos diziam que eu estava radiante. O pedido foi emocionante e meu noivo até chorou! hahaha. Estou ansiosa pelo casamento. Desculpem pelo relato gigante, mas é que eu sentia falta de informações detalhadas quando lia relatos aqui. Ps: a festa durou 3 dias, fizemos um enterro dos ossos com as nossas famílias e um segundo com meus amigos no outro dia, rs. Foi muita alegria.

*Ao todo eu gastei R$ 5.190,41. Pode parecer ter sido nada econômico mas economizamos pelo menos R$3.000 ao colocar a mão na massa.”

Noivado real e econômico Jorge Leonardo e Andressa no Rio de Janeiro

Noivado real e econômico Jorge Leonardo e Andressa no Rio de Janeiro

Noivado real e econômico Jorge Leonardo e Andressa no Rio de Janeiro

Noivado real e econômico Jorge Leonardo e Andressa no Rio de Janeiro

Noivado real e econômico Jorge Leonardo e Andressa no Rio de Janeiro

Noivado real e econômico Jorge Leonardo e Andressa no Rio de Janeiro

Noivado real e econômico Jorge Leonardo e Andressa no Rio de Janeiro

Noivado real e econômico Jorge Leonardo e Andressa no Rio de Janeiro

Noivado real e econômico Jorge Leonardo e Andressa no Rio de Janeiro

Noivado real e econômico Jorge Leonardo e Andressa no Rio de Janeiro

Tags

[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[176171]
[176171]
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d