Como passar a lua de mel em Gramado sem fugir do orçamento
Lua de Mel

Como passar a lua de mel em Gramado sem fugir do orçamento

Geralmente, quando pensamos em uma lua-de-mel luxuosa e romântica, imaginamos viagens pela Europa ou então para alguma praia exótica. O que isto normalmente significa também é que o custo será alto – às vezes, muito mais alto do que o esperado ou até do que poderia ser gasto. Pensando nisso, o Dubbi, site para os viajantes de plantão, encontrou a perfeita alternativa para que você não entre no vermelho, mas também não precise abrir mão do luxo que tanto sonhou. Hoje vamos ensinar como passar a lua de mel em Gramado sem fugir do orçamento.

Mais sobre Gramado

Considerado como o melhor destino do Brasil para viajar, Gramado é perfeito para os recém-casados. De beleza cênica e com grandes influências alemãs e italianas em sua arquitetura, nos parques e florestas, esta cidade oferece muito charme e uma variedade de atrações.

A melhor época para visitar Gramado é na baixa temporada, não apenas pelos preços que ficam muito mais acessíveis, mas também porque haverá menos turistas e, consequentemente, menos filas e trânsito. No entanto, a baixa temporada depende sempre dos feriados nacionais, de eventos turísticos e dos congressos, que ocorrem pelo decorrer do ano na cidade. Neste ano, por exemplo, os meses de Março e Abril foram considerados mais tranquilos, mas Julho e Agosto também podem estar com menos movimento comparado ao restante dos meses de 2016 (em Julho, a cidade já tem em torno de uma semana de eventos programados, e Agosto, duas semanas).

De qualquer maneira, Julho e Agosto parecem ser opções ideais para visitar a cidade devido ao inverno. Assim como Campos do Jordão, que também esbanja o charme europeu, Gramado é conhecido por atingir baixas temperaturas, podendo até nevar, o que torna o lugar ainda mais charmoso e realmente faz você se sentir como se estivesse na Europa.

Lua de mel em Gramado com economia

Mas se você não se importa com o movimento da cidade nas altas temporadas, ou se não é muito fã do frio, Novembro é definitivamente o mês mais disputado para visitar Gramado, pois é quando se inicia o Natal Luz, um dos maiores e mais belos eventos da cidade. Se optar ir neste mês, ou em Dezembro ou até Janeiro, certifique-se de comprar seus passeios e agendar sua acomodação com antecedência, assim não correrá o risco de pagar preços absurdos, como aconselha a usuária do Dubbi, Sandra Lopes, de São Paulo.

Lua de mel em Gramado com economia

Após decidido a data da viagem, pesquise bem os preços das acomodações, pois, dependendo da época, podem ser realmente caras. Se a ideia é se hospedar em algum lugar confortável e com boa localização, valorizando também o preço, as melhores opções, de acordo com os sites de reservas de hotel são: Hotel Serra Azul, situada no centro da cidade; Hotel Klein Ville Gramado, a apenas 2km do centro e a 500m da fábrica de chocolate; a Pousada Viena, a 300m do Palácio de Festivais; Hotel Glamour da Serra, a 200m da Rua Coberta; e o Hotel das Hortênsias, a 50m da Aldeia do Papai Noel e também avaliada como um hotel romântico, com decoração típica europeia e perfeito para viagens a dois.

Lua de mel em Gramado com economia

Em relação aos preços, as diárias destes hotéis para o mês de Julho variam de R$ 400 a R$ 600, sendo que todos incluem café da manhã.

Já para as refeições, Gramados possui uma variedade de restaurantes para agradar todos os paladares e também o bolso. Apesar de alguns serem mais caros, como o Chateau de La Fondue, com um delicioso rodízio de fondues de queijos, carnes e chocolates por R$ 78 por pessoa, ainda existem opções como o Restaurante 3 Passos, cuja especialidade é comida caseira, servindo vários tipos de saladas, carnes, massas e sobremesas, tudo por menos de R$ 20 por pessoa. Há também lugares como a Cantina Pastasciutta, famoso restaurante italiano de Gramado, que, apesar de alguns pratos caros, servem tranquilamente até três pessoas, e, portanto, acaba saindo por um preço bem justo e acessível.

A Natália Cristina Zimmermann, também usuária do Dubbi e residente de Canela, cidade vizinha de Gramado, ainda dá outras dicas de quais restaurantes deve-se conhecer:

Lua de mel em Gramado com economia

Finalmente, chegamos às atrações. As opções são inúmeras: dos parques Mini Mundo (que, apesar de ter seu foco voltado às crianças, é uma visita imperdível para todas as idades, com ingressos a partir de R$ 24) e o Snowland (primeiro parque de neve indoor da América, pode chegar a custar R$ 129, mas ter a oportunidade de brincar na neve ou patinar no gelo, seja no inverno ou no verão, é diversão garantida), até os passeios aos incríveis Lago Negro e Lago Joaquina Rita Bier, ambos igualmente pitorescos com paisagens semelhantes da Europa.

Você pode também visitar o Mundo de Chocolate, um museu com esculturas de chocolate onde ainda pode degustar os doces (ingresso com a degustação custa a partir de R$ 28); o Museu de Cera, igual aos mais famosos em cidades como Nova York ou Londres (ingressos a partir de R$ 40 para adultos e R$ 30 para crianças); o zoológico de Gramado, com cerca de 1500 animais e que também oferece o passeio noturno (ingressos variam de R$ 20 a R$ 60); e a Vinícola Ravanello, que oferece visita guiada, incluindo degustação de três vinhos (preços a partir de R$ 20 por pessoa).

Vale ainda a pena visitar o Palácio dos Festivais de Gramado, famoso por sediar o maior festival de cinema da América Latina, e, bem próximo de lá, o Largo da Borges, um complexo comercial elegante onde pode-se achar uma diversidade de lojas, espaço gourmet, praça e um centro de convivência.

O usuário Dennis Carlotti, de São Paulo, dá também dicas de outros passeios imperdíveis em Gramado, e aconselha ainda uma visita às cidades vizinhas, Canela e Bento Gonçalves:

Lua de mel em Gramado com economia

Procurando ofertas para canelas, entre aqui e garante a sua lua-de-mel 🙂

[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[176171]
[176171]
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d