Casamento real e econômico | Tamires e Cícero - Casando Sem Grana
Casamentos Destaque na Home HISTÓRIAS REAIS

Casamento real e econômico | Tamires e Cícero

O casamento da Tamires e do Cícero aconteceu no dia 19 de agosto desse ano. Eles resolveram fazer essa celebração depois de um momento difícil que a Tamires passou no ano passado e precisaram poupar muito para fazer uma festa que entrasse nos seus bolsos. A solução foi fazer um casamento todo feito por eles e com a ajuda de serviços de vários amigos.

Confira aqui essa história:

​Meninas, meu casamento foi dia 19/08/17! Fizemos toda a decoração, nosso casamento foi 99,9% DiY! O blog me ajudou demais, sempre que buscava ideias e ajuda, vocês tinham o que precisava… Então nada mais justo que compartilhar com as leitoras um pouco do que foi esse dia e assim ajudar a quem também precisa economizar.

Eu e o Cícero nunca tivemos o sonho de casar e fazer festa, porém, no ano passado após eu receber um diagnóstico de câncer no intestino, meus sonhos mudaram e achei que merecíamos comemorar com nossa família e amigos esse novo e importantíssimo passo na nossa vida. Então falei pra ele que nem se fosse a coisa mais simples do mundo, nós iríamos fazer. Me propus à fazer toda a decoração, correr atrás de tudo que precisasse. Ele me apoiou e ajudou no que foi possível, já que a pessoa é sem jeito até onde não dá mais! hahaha

Mão na massa:

Nosso sonho começou a ganhar forma e decidimos que seria ao ar livre, algo simples e do nosso jeito. Foi então que comecei a correr atrás de ideias de decoração para casamento rústico. Saí fazendo tudo que via na frente! Encontramos o lugar dos sonhos por um valor maravilhoso, que nem acreditamos quando vimos o lugar e o valor cobrado. Fechamos com eles e escolhemos a data. Fiz os convites dos padrinhos, o convite do casório, enfeites, forminhas de doces, arranjos de flores, lapelas dos padrinhos, pais e noivo, meu buque…

Não tivemos garçom. Fizemos 100% self-service e contratamos apenas 3 pessoas para a cozinha, duas fritando e uma repondo. Contratamos a iluminação para a tenda, que também foi alugada, e a decoração para o jardim, as mesas, as cadeiras e as toalhas.

Não alugamos pratos, talheres e copos, comprei tudo descartável. Servimos salgadinhos, cantinho mineiro com batata, mandioquinha, espetinho de frango e canjiquinha. Cerveja decidimos que a que teria menos desperdício seria a pitchulinha de 300ml, e foi a melhor coisa que fizemos! Compramos refrigerantes de 3 litros e galões de 10l de água. Deixamos na geladeira e os convidados se serviram à vontade.

Conseguimos de graças algumas coisas essenciais: A DJ (ela é prima de um padrinho, então ele a contratou para nós), o bolo fake uma madrinha emprestou, as bandejas de doces consegui com duas amigas e mais alguns itens da decoração emprestados. E pasmem, meu vestido também consegui emprestado! Eu não, uma madrinha/amiga/irmã que amo de paixão conseguiu com uma amiga que casou ano passado e não se importou de me emprestar. Nem acreditei quando ela me falou e mostrou as fotos dele… Eu já havia comprado um vestido simples para a cerimônia, mas após experimentar este, me apaixonei. Mandei só tirar a saia longa do que havia comprado e decidi usa-lo na festa, para não correr o risco de estragar o outro.

Durante a semana estava um tempo feio e chovendo demaaaaaais, imagina meu desespero? Na sexta-feira não conseguimos fazer praticamente nada por conta da chuva, e eu já quase chorando com medo de no dia seguinte estar com aquele tempo! Mas tivemos fé e nos apegamos à previsão do tempo, que dizia que no sábado seria um dia de sol e sem chuva. Então, não desanimamos, até porque não tínhamos plano B! hehehehe

O grande dia:

No sábado levantamos cedo para iniciar a arrumação da área externa. Com a ajuda da minha família finalizamos tudo às 12h!!! Foi tudo muito simples, mas para mim (e depois recebemos só elogios da decoração) ficou tudo lindo e perfeito! E o tempo foi maravilhoso, fez um dia lindo e ainda conseguimos um pôr do sol perfeito!

Para quem está pensando em fazer a própria decoração, não desanimem! Eu nunca pensei que seria capaz de fazer algo assim, nunca tive paciência e nem talento! É cansativo demais, até dá pra ver minha carinha de cansada em algumas fotos, mas não tínhamos condições de gastar com decorador, buffet, ect! Não tinha escolha mesmo!!! hahahaha E outra coisa, não fiquem preocupadas com o que não deu certo, só você sabia que iria ter isso, seus convidados não vão nem sentir falta. Deu um monte de coisa errada, que não conseguimos levar para a granja, mas nem me apeguei à isso. Foquei no que deu certo e fiquei mega feliz com o resultado!

Esqueci de mencionar que nós mesmos celebramos o casamento. Como não temos religião e não estávamos podendo gastar com celebrante, decidimos nós mesmos falarmos umas palavras para os convidados e trocar os votos. Foi um momento lindo, todos se emocionaram e morreram de rir do meu marido, que adora fazer uma graça!

As fotos também consegui de graça, tenho um casal de amigos que são fotógrafos, porém nunca fizeram fotos de casamento ou algo do tipo, só gostam de tirar foto de paisagem e bichos! Mas como a amiga aqui tava precisando, eles me deram de presente! Ficaram lindas as fotos!!!
Para a festa, nós compramos flamejante e servimos para os convidados. Foi uma animação que só vendo! Todos se divertiram demais, inclusive nós! Servimos bolo no pote, assim cada um pegou o seu sem a necessidade de alguém ficar cortando. E não tivemos bem casado, servimos palha italiana no saquinho de celofane amarrado com fita de cetim!
Espero que gostem e possa ajudar a inspirar as noivinhas leitoras do blog.​
Os noivos fizeram uma cortina de flores para a parede de fundo do bolo e ficou lindo. Te ensinamos a fazer uma igual aqui.
O noivo estava super moderno com gravata fina e lapela, como falamos aqui.

casamento simples quintal

[176171]
[176171]
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d